Aos 56 anos, Aldemir Heinen disputa a prova mais desafiadora de sua carreira. Foto: arquivo pessoal

Aventura. Aldemir Heinen, o Tuta, disputa prova com duração de três dias

Três dias de prova, percorrendo aproximadamente 100 km entre dois países da América do Sul e apreciando paisagens incríveis do continente. Essa aventura será vivenciada a partir de hoje pelo montenegrino Aldemir Heinen, o Tuta, de 56 anos, que está na Argentina para encarar o maior desafio de sua trajetória como atleta. Corredor da Assessoria Esportiva Well Runners, Tuta está pronto para iniciar o longo trajeto do El Cruce Columbia, que tem como objetivo atravessar os Andes.

A primeira etapa da prova começa nesta quarta-feira, na Argentina, e contempla um percurso de 29,2 km, com altimetria de 2.200 metros. Uma característica presente em praticamente todas as edições é a variação climática, mas Aldemir e os demais competidores estão preparados para qualquer adversidade. Durante o percurso, os atletas costeiam vulcões, atravessam montanhas, picos nevados, florestas, lagos, vales e áreas rochosas.

O segundo dia do desafio reserva um trajeto de trechos mais planos, com 37,3 km a serem percorridos. Já no terceiro e último dia, a altimetria é predominante no percurso de 28,5 km, que termina no Chile. “O Tuta teve uma evolução absurda em pouco tempo. Ele preparou muito bem o aspecto físico e principalmente o psicológico. Para essa prova, o Tuta está treinando especificamente há seis meses”, destaca a educadora física Raíssa Joner, que orienta os treinos de Aldemir na Well Runners.

“Ele (Tuta) é 100% dedicado em tudo. Mudou a vida para isso, participou de muitas provas de trilhas complicadas para se adaptar”, completa Raíssa.

Deixe seu comentário