Gustavo Zanatta PTB, MDB, PRTB, DEM

Sou Gustavo Zanatta, tenho 40 anos, fisioterapeuta formado em 2006. Sou pai da Maria Cecília, de 9 anos, uma das razões, talvez a principal delas, para ingressar na Política. Quando olho para a Maria Cecília, fico pensando no mundo que estamos construindo para todas as crianças desta geração. Como pai e cidadão, sinto-me no dever de buscar um futuro melhor para elas.

Minha primeira experiência nas urnas ocorreu em 2012, quando fui eleito vereador. Na Câmara, dediquei toda a minha energia a ações afirmativas, de defesa da comunidade, a projetos que trouxessem auxílio principalmente aos mais carentes, e à fiscalização do Executivo. Integrei CPIs e presidi as investigações que levaram ao Impeachment do ex-prefeito.

Infelizmente, na época, muitas das nossas propostas não foram aproveitadas. Senti na pele o lado ruim do jogo político, onde muitas vezes os interesses partidários e pessoais se sobrepõem aos da população. Por isso, com o apoio da família e da minha namorada Cecília Nienow, ingressei nessa disputa pela Prefeitura, ao lado do vereador Cristiano Braatz, com o respaldo do PTB e do MDB, para fazer diferente.

Quando digo “diferente”, não me refiro a ideias mirabolantes, sem aplicação na prática do dia a dia. O nosso fazer diferente é realmente manter uma sintonia com a população, ouvindo seus desejos e colocando a máquina pública a seu serviço. As associações de bairro, as entidades, os conselhos municipais e os próprios vereadores, todos legítimos representantes do nosso povo, devem ser valorizados e reconhecidos.

Algumas pessoas têm me perguntado onde andava o Zanatta, que não era visto. E eu respondo humildemente: trabalhando 12h por dia. Nem eu e nem o Cristiano somos políticos profissionais. Nós temos as nossas profissões, somos realizados nelas. O que nos traz a esse gigantesco desafio é a vontade de colaborar, de construir um novo roteiro para a nossa cidade.

Montenegro é linda, mas está mal cuidada, é rica, mas o dinheiro não chega em bons serviços ao cidadão. Vamos trilhar novos caminhos, por uma nova cidade.

Gustavo Zanatta

Deixe seu comentário