Antônio Miguel Filla, secretário municipal da Fazenda. FOTO: ARQUIVO/JORNAL IBIÁ

Antônio Miguel Filla, atual secretário da Fazenda de Montenegro, seguirá no cargo no governo Zanatta. O anúncio foi feito no início da tarde dessa sexta-feira, dia 4. Filla assumiu a pasta em agosto de 2019, depois de comandar a diretoria de Fiscalização de Obras e Posturas. Ele é administrador de empresas e, segundo comunicado oficial, teve no perfil técnico e no trabalho responsável de controle e gestão dos gastos do Município os principais critérios para a sua escolha.

O secretário diz encarar o convite como um reconhecimento pelo seu trabalho no setor. Líder de uma equipe de quase 40 pessoas, entre servidores e estagiários, faz questão de reconhecer o papel destas pessoas. “A Prefeitura tem um excelente quadro profissional”, define, acrescentando que está entusiasmado com as propostas do novo governo.

Sobre as finanças do Município, o secretário da Fazenda ressalta que, apesar do momento delicado vivido pela economia do país, as contas estão em dia; e os salários e o 13º serão pagos regularmente. “A ideia é começar 2020 já priorizando as ações de governo do prefeito Zanatta”, explica. Para o ano que vem, a previsão orçamentária é de R$ 219 milhões pro Executivo e o Legislativo, cerca de R$ 11 milhões a mais do que a deste ano. “Apesar da pandemia”, sublinha.

Aos 58 anos, Antonio Miguel Filla também acumula experiência na área financeira. Antes de ingressar na Prefeitura, em maio de 2018, trabalhou na antiga Caixa Econômica Estadual, instituição na qual foi tesoureiro, gerente adjunto e inspetor. Nesta última função, fazia a fiscalização das agências. Depois, de 1998 até 2017, atuou na Doux Frangosul. Também foi professor de Matemática na Escola Estadual Técnica São João Batista. “De um lado, estamos valorizando o desempenho de um técnico, de um grande profissional e, de outro, aproveitando um excelente quadro do atual governo, colocando a cidade acima das diferenças políticas”, destaca o prefeito eleito Gustavo Zanatta.

Deixe seu comentário