Foto: Reprodução/vídeo RBS Notícias

MONTENEGRINO foi lesado ao tentar arrematar veículos no que pensou ser uma transação do Detran/RS

Sites falsos de leilões de veículos têm sido usados por estelionatários para aplicar golpes e ficar com o dinheiro das vítimas. Um montenegrino perdeu R$270 mil ao tentar arrematar um lote de veículos, em uma negociação que acreditou tratar-se de um leilão do Detran/RS. O Departamento, inclusive, alerta a população para que fique atenta, pois mesmo utilizando-se muitas vezes de nomes de leiloeiros credenciados, normalmente é possível identificar a fraude a partir de alguns cuidados.

O montenegrino – que não teve o nome informado – pensou estar arrematando sete carros quando, na verdade, estava caindo em um golpe aplicado em um falso site de leilões. “Quantos anos vou levar para recuperar um valor desses?”, lamenta o investidor – em entrevista veiculada na última sexta-feira, dia 4, pelo RBS Notícias – ao lembrar da grande quantia perdida.

A vítima acreditou que iria adquirir os automóveis pela metade do valor de mercado. A intenção era revendê-los. “Tem muito a ver com o psicológico da pessoa que está atrás de um carro e aparece uma oportunidade boa. E o lance é naquele dia, em tal hora. Então, tu fica na expectativa de resolver isso e comprar”, justifica.

O diretor técnico do Detran/RS, Fábio Santos, explica que esse tipo de golpe é comum e que os criminosos se aproveitam do fato de as pessoas não estarem atentas aos detalhes. “Por isso, achamos importante chamar a atenção de quem deseja participar de leilões para que veja em nosso site se realmente o leilão existe e os dados corretos do leiloeiro e dos Centros de Remoção e Depósito participantes antes de qualquer decisão”, orienta Fábio.

Conforme a polícia, embora os golpistas utilizem telefones e endereços do Rio Grande do Sul, a fraude é aplicada de outros estados, o que dificulta as investigações. Em geral, esses sites são hospedados fora do País, por isso não apresentam o “.br” no final do endereço eletrônico.
Quem for vítima desse tipo de golpe deve comunicar o fato à Polícia Civil, por meio de um boletim de ocorrência. O registro pode ser feito presencialmente em uma Delegacia de Polícia ou preferencialmente pela internet, por meio do site da Delegacia Online.

Dicas para saber se o leilão é verdadeiro:
– Pesquise no site do Detran/RS o calendário dos leilões e os participantes, no qual é possível conferir a relação de veículos, data, hora, nome e site do leiloeiro, bem como telefones e endereços dos CRDs;
– Desconfie de sites de leiloeiros que não sejam hospedados no Brasil (sem o final.br);
– Desconfie de veículos que pareçam novos ou de concessionárias;
– Pesquise e agende visita ao depósito para conhecer o bem pessoalmente;
– Pesquise a empresa em sites de reclamação;
– Não efetue o pagamento se a conta for de pessoa física. Nos leilões do Detran/RS, o pagamento do valor de arremate se dá na forma de guia própria (GAD-L) com pagamento direto a rede bancária conveniada. Somente o valor da comissão do leiloeiro será conforme instruções do mesmo (que fica sempre no item 9.4 do Edital).

Deixe seu comentário