Hora do Conto em Tupandi. Foto: Prefeitura/Divulgação

Tupandi terá, à disposição, R$ 145 mil para investir em cultura. O valor foi lierado através de três editais da Secretaria Estadual da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer.

Um dos editais habilitados e contemplados pelo Fundo de Apoio à Cultura (FAC) é o edital “Livro, Leitura e Literatura”, no valor de R$ 25 mil, para o CTG Estância do Salvador. Em parceria com a Prefeitura, o CTG irá promover a jornada literária no município. A ideia é proporcionar uma programação cultural voltada à valorização da cultura literária tradicionalista gaúcha e facilitar o acesso aos livros.

O segundo projeto contemplado, também através de edital da FAC, foi o “Janela Cultural”. Este divulga artistas municipais e incentiva a ocupação de espaços públicos com atividades. Para este projeto, serão repassados R$ 100 mil. O município deve usar o valor em incentivo a danças tradicionais gauchescas, danças modernas, teatro, artes plásticas, música instrumental e criação de um circuito comunitário de apresentações e exposições.

Tupandi ainda está possibilitado a efetivar o convênio e assim receber o repasse para modernização das bibliotecas públicas, através da Diretoria de Cidadania e Diversidade Cultural da Secretaria de Cultura. Este projeto foi nomeado como “Livros, Câmera, Ação!”. O objetivo é democratizar o acesso à leitura oportunizando às crianças, jovens e ao público em geral a ampliação do seu contato com os livros.

Serão repassados R$ 20 mil para aquisição de livros, equipamentos de audiovisual e informática. “Através disso, a administração visa implantar um amplo projeto que irá criar novas ações culturais no Sobrado Weber”, informa a prefeitura. “Além disso, ele possibilitará a continuidade de ações que já ocorrem desde a inauguração do espaço, como a caravana do LER, a hora do conto e, mais recentemente, o Picnic da Leitura”. O projeto será complementado com a biblioteca com arte, onde sessões de cinema, aulas de música e teatro serão realizadas.

Deixe seu comentário