Após cerco, polícia prendeu acusados e recuperou dinheiro roubado. Celular e arma também foram apreendidos. Foto: Divulgação/BM

Três homens – de 21, 20 e 19 anos – foram presos na madrugada desta quarta-feira, dia 3, após colidirem num ônibus no quilômetro 25 da ERS-124, em Montenegro, e fugirem do local do acidente. Horas antes, eles roubaram um mercado na localidade de Bom Jardim, no interior de Montenegro. Os três maiores de idade estavam acompanhados por um adolescente de 17 anos, que foi liberado após ser apresentado na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro. Os demais foram autuados em flagrante por roubo a estabelecimento comercial, receptação e posse ilegal de arma de fogo de calibre permitido. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

De acordo com informações da Brigada Militar (BM), por volta das 19h de terça-feira, dia 1º, o grupo rendeu o comerciante de Bom Jardim, roubou o dinheiro do estabelecimento e fugiu em direção a Montenegro. Eles tripulavam um Chevrolet Classic de cor prata. Guarnições do policiamento ostensivo e da Força Tática se deslocaram para a localidade e faziam buscas quando, às 00h20min, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) foi acionada para o atendimento de um acidente no quilômetro 25 da ERS-124. A colisão envolvia um ônibus e um Chevrolet Classic de cor prata, o qual foi abandonado pelos tripulantes. Segundo a PRE, não houve feridos.

Ao verificar a situação do carro, foi constatado que ele havia sido furtado. Na certeza de se tratar dos criminosos responsáveis pelo roubo em Bom Jardim, um cerco policial foi estabelecido nas proximidades com apoio de agentes de inteligência e outros policiais. As buscas ocorreram nos bairros Santa Rita, Senai, São Paulo e Aeroclube. Por volta das 00h30min todos os quatro criminosos foram capturados. Com eles foram encontrados o dinheiro roubado, um revólver calibre 32, sete cartuchos e dois aparelhos celulares.

Dos presos, o de 20 anos possui antecedentes por tráfico de drogas, rouba a estabelecimento comercial, porte ilegal de drogas, furto de veículo e outro. O de 21 anos tem antecedentes por posse de drogas e o de 19 não tem antecedentes. O adolescente, que acabou liberado, também possui antecedentes. Todos eles são naturais de Montenegro.

Deixe seu comentário