Drone, drogas e outros itens foram apreendidos com os acusados. Foto: Divulgação/BM

Policias do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) realizaram na manhã de domingo, dia 3, a prisão de três indivíduos por tráfico de drogas e associação ao tráfico. Os acusados usaram um drone para depositar drogas, celulares e outros itens dentro da Penitenciária Modulada Estadual de Montenegro (PMM).

Além do aparelho usado para realizar o ato, os policiais apreenderam com os acusados 660 gramas de maconha, quatro celulares, 12 fones de ouvido, quatro cabos USB, cinco adaptadores, dois rolos de fita adesiva, dois rolos de cabo flex e um rolo de linha de nylon. O drone é avaliado em R$ 17 mil e possuía duas baterias extras.

A ocorrência teve início por volta das 9h20min, quando uma guarnição do Policiamento Ostensivo foi deslocada até o local após a Brigada Militar (BM) receber informações da ação dos criminosos. Na estrada Major Carpes, foi avistado um Fiat Siena com placas de Porto Alegre que trafegava no sentido a Nova Santa Rita. Ao abordar o veículo, os policiais perceberam tratar-se dos acusados.

Os três homens foram encaminhados para laudo médico e, depois, para a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro, onde foi lavrado o flagrante dos três indivíduos. Um deles tem 47 anos é natural de Porto Alegre e tem antecedentes por tráfico, ameaça e perturbação da tranquilidade; outro tem 21 anos é natural de Novo Hamburgo e tem antecedentes por tráfico de drogas, posse de drogas e lesão corporal; o terceiro preso tem 49 anos é natural de São Leopoldo e possui antecedentes por ameaça, perturbação da tranquilidade, lesão corporal e por violar a suspensão ou proibição do direito de dirigir.

Deixe seu comentário