Crateras obrigam motoristas até a parar no trecho em frente a igreja e o salão de Campo do Meio

Concluído o primeiro trecho da Rodovia Transcitros em Montenegro, agora os moradores de Campo do Meio e Santos Reis esperam que a Prefeitura cumpra sua promessa em relação ao trecho da estrada Fridbert Arno Reinheimer em frente à Igreja e o Salão da Comunidade Evangélica de Campo do Meio.

São pouco mais de 100 metros que antes misturavam chão batido com ‘tapa-pó’, e que agora são apenas buracos. A promessa era que o Município colocaria asfalto com recursos próprios, mas somente após o fim daquela obra da Transcitros, quando diminuiria passagem de máquinas e caminhões.

Tapa-pó virou algo pior do que se fosse apenas chão batido

Nesta semana, a Secretaria Municipal de Gestão e Planejamento (SMGEP) informou que o trecho da Estrada Geral de Santos Reis, entre os km 1+360 e km 1+905 da Rodovia Transcitros, está cadastrada na proposta ‘Pavimentação Estrada Geral Santos Reis – Transcitrus – 4ª Etapa’. Essa ainda está em fase de captação de recurso no Ministério do Turismo, através do Programa Apoio a Projetos de Infraestrutura Turística.

Veículos precisam desviar e até circular no acostamento em Campo do Meio

A obra contemplará a terraplanagem, pavimentação, drenagem e sinalização viária no trecho supracitado. Enquanto essa verba não chega, a Administração Municipal pretende realizar uma intervenção paliativa no trecho de material asfáltico ‘tapa pó’, para assim melhorar as condições de trafegabilidade e segurança. Todavia, isso dependerá de condições climáticas favoráveis.

Outras estradas do interior pedem socorro
Melhorias nas estradas da Zona Rural de Montenegro é reivindicação antiga dos moradores. Diariamente, o Ibiá recebe queixas, como do agricultor Cristiano Griebeler, da localidade de Pinheiros, que classifica o trecho entre Esquina da Sorte e Associação Comunitária como intransitável. “É que está desesperador. Esse ano não houve passagem de patrola. A estrada nunca chegou a esse ponto”, desabafou, revelando a intenção de um mutirão.

Na noite da última quinta-feira, dia 28, Griebeler esteve na Sessão da Câmara de Vereadores, onde recebeu nova promessa diretamente do secretário de Desenvolvimento Rural (SMDR), Ari Müller. “Prometeu para sábado (dia 30) o início das intervenções. Eu vou pessoalmente amanhã procurá-los na estrada”, declarou.

O secretário teria dito ainda que a manutenção já iniciou, todavia “de cima para baixo”, ou seja, da Costa da Serra em direção ao bairro Santo Antônio. “Meu primeiro protocolo é de agosto”, finalizou. Através da assessoria de comunicação da Prefeitura, o Diretor de Estradas da SMDR, José Carlos de Ávila, informou do dia 26 que, caso não chova, as melhorias serão feitas na próxima semana.

Serra Velha aguarda promessa dos 60 dias
Outra demanda veio de moradores de Serra Velha, em especial da cidadã Sandra Isabel Moraes Lorenz, que reclama da ligação entre Rincão, Catupi e Serra Velha. “Pois a situação da mesma está caótica. Precisamos chamar a atenção das autoridades para esse descaso. Olha a situação, é uma vergonha”, desabafou.

Serra Velha havia sido citada na pergunta envia pela reportagem à Prefeitura, por tanto acreditasse que aquela localidade também será inclusa no cronograma da próxima semana, caso não chova. Abaixo, você pode conferir a indignação de um morador, José Adriano Moraes, irmão de Sandra Isabel, que gravou vídeo mostrando a situação da via, nesta semana.

Deixe seu comentário