Local onde ocorreu o homicídio foi limpo para tentar ocultar pistas. Foto: PC

Está preso o homem acusado pelo assassinato do jovem Lucas Meirelles, de 27. O homem, identificado pela polícia pelas iniciais R.A., de 31 anos, foi localizado pela Brigada Militar em um bar na cidade de Itajaí, em Santa Catarina, mesmo município onde, no dia 24 de agosto, Lucas foi encontrado morto. A polícia não informou o endereço nem deu detalhes sobre a ação.

O suspeito encontrava-se foragido desde a data do crime. Conforme o delegado responsável pela investigação do crime, Rafael Leandro Lorencetti, o suspeito possui antecedentes por tráfico de drogas. A polícia apura se o homicídio de Lucas teve a ver com dívidas de drogas.

Lucas era natural de Itajaí, mas morou alguns anos em Montenegro. Segundo apurado pela reportagem, há cerca de cinco anos  havia retornado ao município catarinense.

Conforme a polícia, Lucas foi morto com um tiro na cabeça, o corpo foi embalado em sacos plásticos e envolto em lençóis. O cadáver foi encontrado horas após o crime, escondido em uma casa, junto a um bar, no bairro São Vicente, em Itajaí. Uma mulher, de 48 anos, foi presa em flagrante ao tentar ocultar o corpo e encaminhar para desova, mas acabou sendo solta e responderá em liberdade por envolvimento no crime.

A reportagem  contato com familiares da vítima, mas não houve retorno.

 

Deixe seu comentário