Teatro de fantoches trouxe informações e diversão ao público

Com diversão e troca de informação, a Feira do Livro e Feira Multidisciplinar de São José do Sul segue nesta sexta-feira, dia 25, com diversas atrações. Durante a manhã, o teatro de fantoches “Com água não se brinca”, do grupo Fantomania Teatro de Bonecos com patrocínio da Sicredi, e a apresentação dos trabalhos dos alunos da Escola Municipal de Ensino Infantil (EMEI) Laranjinha e das séries iniciais da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Professora Valéria Maria Kirch, foram as atrações. Nesta tarde, a partir das 14h, acontece a apresentação dos trabalhos dos alunos das séries finais da EMEF Professora Valéria Maria Kirch, além de apresentações artísticas e uma apresentação teatral.

À noite, a partir das 19h, acontece a segunda noite da 7ª Mostra de Teatro de são José do Sul com a apresentação de duas peças. O grupo As Crianças Mágicas apresentará o espetáculo “O que você vai ser quando crescer?”, que conta a história de uma espantalha que quer ser passarinho. Já o grupo Entre Nós, que há seis anos montou uma história que mostrava as relações conturbadas entre meninos e meninas, retoma, na adolescência, a história para responder a mesma questão: será possível meninos e meninas viveram em paz?

Feira Multidisciplinar apresenta trabalhos dos alunos da rede municipal de ensino

A secretária de Educação, Cultural, Desporto e Turismo de São José do Sul, Paula Cristina Primaz, destacou que são 27 trabalhos dos alunos da rede municipal de ensino expostos na Feira Multidisciplinar. “É a culminância de todo o trabalho desenvolvido durante o ano”, afirmou sobre o momento. Ela salientou que a exibição dos trabalhos é uma mostra do que os alunos, sob orientação e motivação dos professores, são capazes de produzir em termos de pesquisa.

Sobre os momentos culturais, Paula diz que eles promovem a troca de experiências e vivências. Exemplo disso foi o teatro com fantoches “Com água não se brica” apresentado na manhã desta sexta-feira, que trouxe informações sobre como preservar a água e o meio ambiente. De forma descontraída, ele educou e arrancou risadas das crianças e adultos presentes. Além disso, a secretária destacou a importância da leitura, incentivada a partir da Feira do Livro. “A leitura abre caminhos, ela te leva para outros lugares, te faz ver o mundo de outra maneira”, comentou.

Deixe seu comentário