Foto: Divulgação Santa Casa

O Complexo Hospitalar Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre está dando continuidade à assistência de pacientes que não podem esperar o fim da pandemia do coronavírus, orientados pela Secretaria de Saúde do município e Agência Nacional de Saúde Complementar. Serão abertas agendas com ofertas integrais para alguns casos como oncologia, transplantes, cardiologia, pré-natal, traumatologia, pneumologia e pós-operatório. Para outras especialidades, serão agendas parciais. Em todos os casos, o objetivo é atender a quem efetivamente não se recomenda esperar. A Central de Agendamento atende no 51 32148000.

Do ponto de vista da segurança assistencial, questão central para a Santa Casa, haverá a ampliação de triagem de acesso aos serviços, espaçamentos de horários de agendas, não permissão de aglomerações e muito cuidado de proteção aos pacientes e profissionais que irão atender.

Para o diretor geral da Santa Casa, Julio Matos, “todos preferimos, ao final do dia, não lamentar o que aconteceu no mundo, e sim saber quantos acolhemos e cuidamos no dia de hoje. É um desafio enorme, pois, além da Covid-19,  há uma população que não pode esperar e precisa ser atendida durante a incidência maior do vírus, pois as filas nas centrais de agendamentos dos gestores do SUS estão crescendo”.

Matos salienta, ainda, a preocupação dos profissionais médicos com relação a tudo isso. “Existem pacientes que estão em meio a tratamentos, necessitando de revisões, outros procedimentos já anteriormente definidos e que foram suspensos. Os médicos querem dar atenção máxima à isso”, conclui.

Deixe seu comentário