Janete Hoerlle Zirbes | Jorge Alberto de Almeida | José Cirne da Siva

LEGISLATIVO aprovou a concessão de títulos de Cidadão Montenegrino e reconhecimento a uma ex-servidora

A Câmara de Vereadores votou, na sessão ordinária desta quarta-feira, três projetos para homenagear personalidades de relevância na comunidade em suas áreas de atuação. As proposições foram apresentadas por Cristiano Braatz (MDB), Rose Almeida e Josi Paz (ambas do PSB) e buscam o reconhecimento público a Janete Hoerlle Zirbes (falecida em 30 de janeiro deste ano), ao médico veterinário aposentado Jorge Alberto de Almeida e ao oficial da reserva da Brigada Militar, José de Jesus Cirne da Silva. As três foram aprovadas por unanimidade.

A proposta do vereador Cristiano estabelece que o nome de Janete passará a denominar a sala de reuniões da Câmara Municipal. É uma forma de destacar o trabalho da ex-servidora por sua dedicação de 25 anos ao parlamento, no qual exerceu diversas funções de apoio, tanto na secretaria quanto no gabinete de Roberto Braatz e, por último, no do próprio Cristiano.

Nascida em 12 de outubro de 1961, Janete ingressou no Legislativo em 1993. Ela era viúva do empresário Eron Zirbes, com quem teve dois filhos, Sibile e Rudolf, e três netos, suas grandes paixões. Também fez parte da diretoria da Oase, entidade mantenedora do Hospital Montenegro, e da Sociedade Cultural e Esportiva Matiel, de Pareci Novo, onde se destacou nas competições de tiro.

Os outros dois homenageados receberão os títulos de “Cidadão Montenegrino”, a mais alta honraria concedida pelo Legislativo, reservada a pessoas que não nasceram na cidade, mas, ao longo da vida, dedicaram-se a desenvolvê-la das mais diferentes maneiras, nos campos econômico, social e cultural.

Jorge Alberto de Almeida tem 79 anos, é natural de Alegrete e está em Montenegro desde 1965. Foi diretor da antiga Estação Experimental, sempre esteve envolvido em causas sociais e a vida inteira cultuou o tradicionalismo. Em 9 de fevereiro, lançou um livro de poesias intitulado “Raízes”.

José de Jesus Cirne da Silva nasceu em 17 de abril de 1964, no Distrito de Itapuã, na cidade de Viamão. Em 1984, ingressou na Brigada Militar, onde ascendeu até o posto de coronel. Foi comandante de diversas unidades da corporação, incluindo o 5º Batalhão de Polícia Militar, com sede em Montenegro. Graduado em Direito, está no município desde 1994. Dono de um espírito público elevado, participa de alguns conselhos municipais, como o dos Direitos da Mulher e o Anti-drogas. Também é integrante da Associação Brasileira do Estudo do Álcool e outras Drogas (Abead) e do Comitê Municipal de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes.
As datas das homenagens devem ser definidas nos próximos dias pela Câmara Municipal.

Deixe seu comentário