Foto: Divulgação Governo do RS

Apesar de feriado, hoje, 25 de dezembro, foi divulgado normalmente o mapa preliminar do Distanciamento Controlado no Rio Grande do Sul. Apenas seis regiões conseguiram obter a bandeira laranja (risco epidemiológico médio). O restante do Estado – o que representa 76,5% da população gaúcha de 414 municípios – está na categoria bandeira vermelha (risco epidemiológico alto). Isso inclui a R8, região de Montenegro e outras cidades próximas.

Nesta rodada, a 34ª, com exceção de Taquara, Novo Hamburgo, Cruz Alta, Pelotas, Bagé e Guaíba, as outras 15 regiões Covid apresentaram risco alto de contágio, classificadas, portanto, com bandeira vermelha. Para o total do Rio Grande do Sul, houve redução no registro de novas hospitalizações confirmadas com Covid-19 (-14%) e no número de internados em leitos clínicos Covid (-6%). Já as UTIs apresentaram aumento no número de internados com coronavírus (+5%).

As regiões com maior número de novos registros de hospitalizações nos últimos sete dias, por local de residência do paciente, são Porto Alegre (256), Caxias do Sul (157), Passo Fundo (103), Canoas (100) e Pelotas (61).

Municípios e associações regionais que desejarem enviar pedido de reconsideração ao mapa preliminar têm uma hora a mais – para fechar o prazo de 36 horas – para enviar sua solicitação ao governo. O formulário online ficará disponível até as 7h de domingo, 27. Os pedidos serão analisados pelo Gabinete de Crise e o mapa definitivo será divulgado também no site às 16h30min de segunda-feira, 28. A vigência das novas bandeiras será de 29 de dezembro a 4 de janeiro.

Deixe seu comentário