Estrutura vertical (localizada à esquerda) passa por manutenção preventiva

Estrutura posicionada no topo do Morro “encolheu” nos últimos dias

Para quem olha em direção ao Morro São João, o tamanho de uma das antenas posicionadas no topo do gigante chama à atenção e provoca estranheza. Nos últimos dias, a estrutura (à esquerda na imagem) “encolheu” e muitos montenegrinos entraram em contato com o Ibiá para entender o motivo.

De acordo com o secretário municipal de Meio Ambiente, Adriano Chagas, a antena vem sendo reduzida há aproximadamente um mês. Isso é possível devido à utilização de tecnologia mais avançada nas estações de rádio base instaladas na estrutura e visando minimizar riscos.

A antena que vem tendo seu tamanho reduzido há 30 dias é utilizada por praticamente todas as operadoras transmissoras de radiofrequência com uso compartilhado para instalação de estações de rádio base. Apesar disso, a Administração Municipal, por meio da Secretaria de Meio Ambiente, garante que essa manutenção preventiva da estrutura vertical localizada no topo do morro não impacta no sinal de internet da cidade.

“As ondas de rádio se propagam por grandes distâncias através de ‘saltos’, onde há a refração e a consequente reflexão utilizando a camada de ionosfera da terra (Lei de Snell)”, explica Adriano Chagas.
O secretário ainda salienta que outras estruturas verticais foram instaladas recentemente no município, e por já contemplarem tecnologia mais moderna, essas antenas provavelmente não sofrerão intervenções no tamanho ou altura.

1 comentário

Deixe seu comentário