Na sexta-feira, as três prisões ocorreram em menos de doze horas. FOTO: 5ºPBM

Na noite de ontem (10), em Pareci Novo, os policiais militares do 5º Batalhão da Polícia Militar identificaram e prenderam Júlio César da Mota. Ele tinha mandado de prisão em seu nome e já havia sido preso anteriormente, tendo antecedentes criminais por furto, arrombamento de residência, ameaça, lesão corporal, injúria e vias de fato. Júlio César foi conduzido ao Hospital Montenegro para laudo médico e, após, para a DPPA.

Já na sexta-feira (9), mais três prisões. Todas em Montenegro. Na parte da manhã, em patrulhamento no bairro Timbaúva, Simon Aguiar dos Anjos recebeu voz de prisão. Foi constatado que havia um mandado de prisão em seu desfavor e que ele tem antecedentes por lesão corporal, violência doméstica e tentativa de estupro. No fim da tarde, Jeferson Lauri da Rosa também foi encaminhado para a DPPA. Com mandado de prisão, ele tinha antecedentes por furto, ameaças e lesão corporal.

O terceiro foragido preso pelo 5º BPM – as três prisões ocorreram em menos de doze horas – foi capturado mais para o final do dia. Gustavo de Souza, o Gugu, foi avistado por volta das 19h40min na localidade de Costa da Serra. Segundo os policiais, ele tentou se esquivar da guarnição, mas foi alcançado. Gugu estava foragido desde o dia 5 de janeiro. Seus antecedentes criminais apontam para furto em residências e estabelecimentos comerciais, porte ilegal de arma de uso permitido, dano e lesão corporal, ameaça e desobediência. Ele foi encaminhado ao HM e, após, à DPPA.

Júlio Cézar da Mota, Jeferson Lauri da Rosa, Gustavo de Souza e Simon Aguiar dos Anjos foram encaminhados para a DPPA. FOTOS: 5º BPM

Deixe seu comentário