Alunas da EET São João Batista tiveram trabalho reconhecido na área de Bioquímica e Química FOTO: Arquivo Pessoal

Farinha de frutos da tamareira-anã e expressões faciais foram os temas dos destaques

Com seu projeto “Farinha nutricional a partir dos frutos de Tamareira-anã (Phoenix roebelenii)”, as alunas do 3º ano do Técnico em Química da Escola Estadual Técnica (EET) São João Batista Gabriela Rech da Silva e Vitória Lemes Viegas conquistaram o quarto lugar na categoria de Bioquímica e Química da Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec), realizada na última semana em Novo Hamburgo. O evento é uma realização da Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha e reúne jovens pesquisadores de todo o mundo.

Segundo Gabriela, essa foi a primeira vez que a pesquisa desenvolvida por ela e Vitória sob a orientação do professor Ricardo Luiz de Oliveira foi apresentada numa feira. “É uma experiência incrível de conhecer pessoas novas de diferentes lugares do mundo, e de muito aprendizado. É uma emoção subir no palco e perceber que tudo é mérito da nossa dedicação e esforço”, destaca a aluna. De acordo com a estudante, a ideia é seguir aprimorando o projeto e apresentá-lo na Exposição de Trabalhos Técnicos da Escola São João Batista (Expotec).

A Mostratec Júnior também chegou ao fim com premiação para um projeto montenegrino.

Expressões faciais foi o tema do trabalho premiado desenvolvido pelos alunos da EMEF Dr. Walter Belian
FOTO: Arquivo Pessoal

Para a alegria dos alunos Hélio Antônio Fernandes Bender, Henri Markus Ficht e Marcelo Amador de Freitas do 8º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Dr. Walter Belian o seu projeto “Expressões Faciais” foi um dos destaques da mostra. Orientados pela professora Alessandra Lopes de Loreto, eles ficaram em quarto lugar na categoria 3, que engloba projetos do 7º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

O projeto premiado teve como objeto de pesquisa a possibilidade de identificar sentimentos ou manifestações comportamentais mais comuns aos seres humanos através das expressões faciais. Os alunos trabalharam com duas hipóteses, sendo a primeira de que as expressões faciais que o ser humano manifesta, de acordo com as reações a determinados sentimentos, segue um padrão que nos permite identificá-las. A segunda hipótese era de que é possível que o ser humano, utilizando esses mesmos padrões em suas expressões faciais, possa simular determinados sentimentos.

Deixe seu comentário