Agentes descobriram a droga entre os fardos do alimento. Foto: PRF-RS

A ação de agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-386 gerou um prejuízo, aproximado, de R$ 7 milhões para o crime organizado. Nesta madrugada de sexta-feira, dia 7, no trecho do município de Paverama, distante 44 km de Montenegro, os agentes flagraram o transporte de duas toneladas de maconha e 85 quilos de cocaína, escondidos em uma carga de farinha e amido de milho. Três suspeitos foram presos.

Após receberem informações do Serviço de Inteligência da corporação, os policiais abordaram um automóvel Tiguan, com placas de Marília – São Paulo; e uma carreta, com placas de Francisco Beltrão – Paraná. Havia dois homens em cada um dos veículo, rodando em direção à Região Metropolitana de Porto Alegre. Mas durante a vistoria, um dos indivíduos que tripulavam o caminhão fugiu correndo.

Os policiais imobilizaram os outros três e, ao revistar a carga, perceberam que havia pacotes escondidos em meio aos fardos do alimento. O condutor da carreta, de 27 anos e morador de Francisco Beltrão; e os ocupantes do carro, de 32 e 35 anos, ambos de Foz do Iguaçu/, também no Paraná, foram presos em flagrante por tráfico de drogas. Eles foram encaminhados com os veículos e a carga para registro do flagrante na área judiciária de Porto Alegre.

Deixe seu comentário