Integrados, Nota Fiscal Eletrônica, NF-e, talão do produtor rural, Vale do Caí

A nota fiscal eletrônica é o meio digital que documenta a circulação de produtos e prestação de serviços

Nesta terça-feira(21) foi publicado um decreto que aumenta o prazo para o uso obrigatório de notas fiscais eletrônicas. A execução desse decreto afeta integrados, lavouras permanentes, temporárias, pecuária e silvicultura.

O prazo, que era primeiro de abril, passou a ser primeiro de outubro desse ano para as operações com integrados não inscritos no CNPJ. Para os demais setores e produtores rurais a partir de primeiro de janeiro de 2019.

Tal prorrogação foi resultado de inúmeras audiências e constante negociação da FETAG/RS com o Deputado Elton Weber e sua equipe, junto à Secretaria da Fazenda e ao Governador. Vários pontos ainda precisam ser resolvidos até que possa ser implantada a nota fiscal eletrônica. A FETAG informou que acompanhará o andamento dos encaminhamentos e informar aos sindicatos.

Deixe seu comentário