Em Porto Alegre há concentração de servidores em protesto. Foto: Ugeirm

Seguindo orientação do Sindicato da Categoria – Ugeirm – agentes das delegacias de Polícia Civil do Vale do Caí atuam nesta sexta-feira, dia 30, em operação padrão. No Plantão estão sendo atendidas apenas ocorrências graves e prisões em flagrantes. Dentro dos órgãos também está mantido o trabalho administrativo.

Em reunião no dia 6 de agosto, o Conselho de Representantes do Ugeirm deliberou por realizar uma paralisação em protesto ao parcelamento e atraso de salários. O dia 30 de agosto foi escolhido para marcar mais um mês em que os agentes estão sem seu direito assistido.

Orientações para a paralisação
– iniciou 8 horas e se estenderá até as 20 horas;
– não deve haver circulação de viaturas;
– Serão atendidas somente ocorrências policiais de Maria da Penha com pedido de medidas protetivas, atendimento a idosos, homicídios, estupros, furto/roubo de veículos (com exceção de devolução de veículos) e prisões;
– Não serão procedidas diligências externas e nem a confecção de inquéritos e termos circunstanciados.
– É fundamental manter o diálogo com a população, explicando os motivos da greve.

Deixe seu comentário