Foto: Polícia Civil

A “Operação Guirlanda” de combate ao abigeato foi realizada nesta segunda-feira,20, em uma ação conjunta da Polícia Civil, Inspetoria de Defesa Agropecuária e Brigada Militar. A ação foi realizada em Capela de Santana, pelo Cartório Especializado na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato da 1ª Delegacia de Polícia, DPPA, Inspetoria de Defesa Agropecuária e Patram de Montenegro e Delegacia de Polícia de Capela de Santana.

Segundo a Polícia Civil, um drone foi usado para realizar o reconhecimento das áreas suspeitas. O objetivo foi apurar informações sobre a existência de animais de procedência duvidosa, em cinco propriedades rurais. Três delas foram interditadas, pois foram registradas irregularidades envolvendo 11 dos 17 animais conferidos.

Foram encontrados suínos, ovinos e aves sem registro e sem cadastro no Serviço

Foto:Polícia Civil

Veterinário Oficial. “A regularidade cadastral desses animais é essencial, tanto para o controle da qualidade dos mesmos, em razão de vacinação e demais inspeções, como para se evitar o estímulo do abigeato pela receptação clandestina”, explica o delegado André Roese, titular da 1ª DP de Montenegro.

Deixe seu comentário