Ecosport Storm 4x4 2.0 é o “top de linha da Ford”, unindo robustez com segurança e conforto

O Ibiá Motores testou a versão mais ousada do modelo SUV que é sucesso da Ford no Brasil. A EcoSport Storm 2.0 e tração 4×4 (Wheel Drive sob demanda) une a versatilidade do compacto para a cidade com a potência que cresce na rodovia e vence obstáculos no campo. Mas essa motorização não representa vigor desenfreado, pois o sistema Advance Trac de controle eletrônico de estabilidade (ESC) e de tração (TSC) oferece uma confortável segurança.

A tecnologia em favor da vida é bem ilustrada pelo Sistema Anticapotamento (RSC). Exclusivo da Ford, ele consiste em sensores que analisam o ângulo de inclinação lateral do carro em tempo real. Caso haja risco, os equipamentos acionam os freios individualmente e reduzem a potência do motor para manter o controle da camionete.

Direção elétrica multifunção, “borboleta” para troca de marcha sob o volante e acabamento na cor da lataria

Durante o test drive, a reportagem submeteu o veículo ao chão batido da localidade de Rua Nova, onde o desempenho aos 80 km/h não teve a menor perda de estabilidade. A dirigibilidade se manteve nas mãos, com deslocamento em linha reta e sem derrapagem. Já a tecnologia Intelligente Wheel Drive monitora condições do terreno e maximiza a tração do carro, garantindo maior equilíbrio nas curvas e aderência das rodas ao solo para evitar derrapagem.

O diretor da Concessionária Brenner Ford, Marco Antônio Brenner, explica que nesta versão da SUV o 4×4 funciona somente quando for necessário. “As rodas traseiras entram em funcionamento apenas ao ocorrer perda de aderência, tanto no asfalto quanto na terra”. Essa operação é apontada no painel digital, onde o motorista pode conferir quanto cada roda está tracionando e acompanhar a correção que o sistema realiza.

Grade frontal traz pegada rústica que combina com o poder da lendária marca norte-americana

A EcoSport Storm vem com a nova Transmissão Sequencial de seis velocidades com conversores de torque integrado de alta eficiência. Isso garante mais conforto e esportividade com trocas de marchas direto no volante elétrico. Para arrematar, o visual combina esportividade com design agressivo e a sutiliza do silencioso motor Duratec 168 HP com injeção direta de combustível. (veja vídeo do test drive usado o QR Code)

Titanium não para nem com os pneus furados
Também está disponível para test drive na Brenner a nova versão da Titanium. O modelo 2020 chega com motor 1.5 para substituir o 2.0 até então presente. A versão se diferencia mesmo da 2019 pela ausência do estepe na traseira, dando um ar mais limpo e espaço na hora de estacionar.

Na verdade, o modelo é o primeiro veículo do Brasil que não tem mais estepe, nem dentro. Ele foi substituído pela tecnologia de pneus Run Flat, que mesmo furados podem rodar sem necessidade de reparo.

Titanium 2020 traz linhas limpas e capacidade de virar miniperua com alteração do banco traseiro

No lugar do sobressalente o conjunto Michelin ZP (Zero Pressure) traz no porta-malas um kit de reparo para ser usado pelo condutor. Essa manutenção provisória garante autonomia por mais 200 quilômetros a uma velocidade máxima de 80 km/h.

Sem o reparo, as bandas laterais reforçadas do Run Flat permitem então 80 quilômetros de viagem a 80 km/h. Além da economia de tempo, essa é uma questão de segurança, pois o motorista não é obrigado a parar em qualquer lugar.

Demais versões da EcoSport
A partir de R$ 76.890,00 na versão SE 1.5 com câmbio mecânico e R$ 82.890,00 com câmbio automático; e a Freestyle 1.5 com câmbio mecânico a partir de R$ 85.890,00 e na versão automática 1.5 a partir de R$ 91.890,00.
*consulte descontos para CNPJ, Produtor Rural, Portador de Necessidades Especiais, taxistas e outros.

Deixe seu comentário