Tempestade surgirá de grande e forte área de baixa pressão atmosférica. Foto: Eder Luiz de Mello

Os estados do Sul do Brasil entram novamente em situação de risco para temporais durante esta sexta-feira, dia 15, e que deve se estender para grande parte da região também durante o fim de semana. Conforme o Instituto Climatempo, desta vez o motivo para as tempestades não é uma frente fria, mas uma grande e forte área de baixa pressão atmosférica que avança do Uruguai e do leste da Argentina para o Brasil.

Este sistema se organiza desde a superfície até os níveis mais elevados (em torno de 10 mil metros), criando situação bastante propícia à ocorrência de chuva forte e volumosa. A circulação ciclônica (movimento do ar no sentido horário) e a queda da pressão do ar intensificam a concentração e o movimento ascendente do ar úmido, o que facilita a formação de nuvens carregadas e provoca os temporais.

O perigo de chuva forte e volumosa, raios e intensas rajadas de vento – que podem se aproximar dos 100 km/h – existe para os três estados nos próximos dias. Na sexta-feira, as pancadas de chuva com raios e eventualmente com ventos fortes podem ocorrer a qualquer hora na Região Metropolitana de Porto Alegre. Em Montenegro a máxima não passa dos 26 graus, com chuva dos três turnos.

Fim de semana
No fim de semana, já a partir do sábado, o risco de temporais diminui no Rio Grande do Sul. Mas ainda chove com frequência na Grande Porto Alegre e na Serra gaúcha. No domingo ainda terá pancadas de chuva.

Deixe seu comentário