O prefeito de Montenegro publicou novo decreto em função da pandemia do coronavírus na noite desta quarta-feira, 6 de maio. Em linhas gerais, o documento traz duas alterações importantes nas restrições às atividades no Município.

As missas, cultos e demais atos religiosos voltam a serem autorizados, desde que respeitado o número máximo de 30 pessoas presentes com um espaço de dois metros entre uma e outra. E há uma série de protocolos de higienização e limpeza dos ambientes, de acordo com notas da secretaria municipal de saúde.

É uma segunda tentativa de liberação de eventos do tipo, que, semanas atrás, haviam sido autorizados com um limite percentual de ocupação que acabou se mostrando equivocado. LEIA AQUI.

A segunda novidade do decreto desta quarta-feira se refere aos veículos de transporte público. A partir de amanhã, o número de passageiros ficará limitado ao número de assentos disponíveis. A grande lotação vinha gerando preocupação entre os usuários, COMO VOCÊ LEU AQUI. Apesar do limite , a Viação Montenegro ainda não se posicionou sobre a disponibilidade de mais linhas de ônibus.

LEIA O DECRETO COMPLETO AQUI.

Deixe seu comentário