No Youtube - Conversa Afiada - ele fazia duras críticas aos políticos. Foto: Internet

Morreu na manhã desta quarta-feira, dia 10, o jornalista Paulo Henrique Amorim. Ele estava com 77 anos e sofreu enfarte, em sua casa no Rio de Janeiro. Ele trabalhou em diversas redações, inclusive na Tevê Globo, de quem se tornou ferrenho opositor.

Seu último emprego foi na TV Record, mas estava fora do ar desde o mês passado, quando foi afastado do programa Domingo Espetacular, supostamente, por críticas ao presidente Jair Bolsonaro (PSL). Essas críticas contundentes, assim como entrevistas com figuras do meio político, aconteciam, todavia, em seu canal no Youtube chamado de TV Conversa Afiada.

Deixe seu comentário