Foto: Acom prefeitura de Montenegro

Na manhã desta segunda-feira, 24, aconteceu a primeira edição da ação “Integração Comunitária e Social” em Montenegro. O projeto, promovido pela Prefeitura de Montenegro por meio da Secretaria Municipal de Habitação, Desenvolvimento Social e Cidadania (SMHAD), teve início na Associação da Vila Esperança, no bairro Senai.

O objetivo é promover rodas de conversa e palestras relacionadas ao empoderamento e inserção das comunidades, que se encontram economicamente vulneráveis, na sociedade. De acordo com o secretário da SMHAD, Luís Fernando Ferreira, o projeto visa prevenir e viabilizar o fortalecimento e a autoestima do público alvo, principalmente as famílias e jovens usuários do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). “Estamos sempre buscando a preparação para o mercado de trabalho”, enfatiza. As ações também contarão com orientações sobre os serviços socioassistenciais disponíveis no município.

A diretora de Assistência Social, Carliane Pinheiro, salienta que a ideia é estimular essas pessoas das comunidades vulneráveis para que despertem o interesse e busquem possíveis mudanças no contexto social. A ação tem cronograma de realização em diversos bairros da cidade, como Estação e Cinco de Maio, e até mesmo no interior. No primeiro dia da ação, a diretoria de Assistência Social e coordenadores dos serviços CRAS e CREAS ministraram a roda de conversa.

Deixe seu comentário