Filho da paróquia São João Batista, ele, foi ordenado padre jesuíta em 1964

A Catedral São João Batista celebrou, com a sua presença na missa das 9h de domingo, os 90 anos de vida do padre jesuíta Benno Leopoldo Petry. Filho da paróquia, o montenegrino, nascido em 15 de julho de 1929, foi ordenado padre jesuíta em 1964. Nestes 55 anos como padre atuou em várias atividades, no Paraná em diversas cidades.


Também missionário no Paraguai, em Porto Alegre foi capelão da Santa Casa. Nas suas férias, sempre ajudava celebrando missas na paróquia de Montenegro. Hoje Benno Leopoldo Petry reside na casa de saúde dos padres jesuítas em São Leopoldo, e ainda colabora no atendimento no Santuário junto ao Padre Réus.

Deixe seu comentário