Interior da casa ficou totalmente destruído pela ação das chamas na manhã deste domingo

Dely Margarida Prade teria sofrido infarto logo antes da sua casa incendiar

Na manhã de ontem, por volta das 11h, um incêndio destruiu uma residência na rua Capitão Cruz, bairro Rui Barbosa. Dely Margarida Prade, 77 anos, estava sozinha na casa no momento do ocorrido. Ela foi retirada de dentro da moradia por vizinhos e recebeu os primeiros socorros do Corpo de Bombeiros. Em seguida, a idosa foi encaminhada ao Hospital Montenegro pelo Samu, mas faleceu antes de dar entrada. Dely sofria de problemas de saúde, como pressão alta e labirintite, decorrentes da idade.

Segundo registro na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), o médico que atendeu o fato informou que Dely teria sofrido um infarto, provavelmente ainda antes do incêndio. O laudo médico, no entanto, é inconclusivo e indica um mal súbito como a causa mortis. A possibilidade é de que ela estaria com o fogão ligado e, após passar mal, o fogo teria se alastrado.

A casa de alvenaria possuía forro e piso de madeira, o que facilitou a expansão das chamas. Alguns móveis baixos, como sofá e armário de madeira, por exemplo, não foram totalmente queimados, no entanto. Estes ficaram apenas chamuscados, aumentando a hipótese de que uma labareda concentrada em um ponto teria atingido o forro da casa.

Rogério Brito, que mora há duas quadras da residência incendiada, conta que estava em casa na hora do ocorrido e viu a fumaça na rua. “Eu vi aquela fumaça, vi movimento dos vizinhos, mas não tinha Bombeiro nem Samu. Então eu liguei para os Bombeiros e eles disseram que já tinham sido comunicados”, conta. O vizinho, que estava preparando seu almoço, não chegou a ir à casa de dona Dely no momento, apenas à tarde, enquanto familiares já limpavam o local.

O interior da residência ficou totalmente destruído e só uma perícia poderá indicar onde começou o fogo. Segundo testemunhas, não havia mais ninguém na casa. Os familiares não quiseram falar com a reportagem do Ibiá.

Fogo começou no final da manhã, próximo ao horário de almoço
DE LONGE foi possível avistar as chamas que consumiram a residência

 

 

 

 

 

Deixe seu comentário