Arma encontrada com o acusado Foto: Divulgação/Polícia Civil

Na tarde de ontem, 20, por volta das 17h, em cumprimento a um mandado de busca e apreensão, a Delegacia de Capela de Santana com apoio da Delegacia de Portão, realizou a prisão em flagrante de um homem, de 44 anos, por porte ilegal de arma de fogo com numeração suprimida. Segundo informações da polícia, o indivíduo estava sendo investigado pela Delegacia de Capela de Santana após denúncia de que ele teria apontado uma arma de fogo para um candidato a vereador durante a campanha eleitoral de 2020, na mesma cidade.

Após registros e apreensão dos objetos, o homem foi encaminhado ao sistema prisional. A operação foi coordenada pelo delegado Alexandre Quintão.

Deixe seu comentário