doação de sangue, banco de sangue, OMS, população brasileira, testes, sangue contaminado
Apenas 1,8% da população brasileira doa sangue. O mínimo recomendado pela OMS é 3%

A cidade de Feliz irá receber a unidade móvel do Hemocentro. O ônibus estará localizado em frente ao Posto de Saúde, na terça-feira, dia 27 , das 9h às 12h e das 13h às 16h.

A enfermeira Natália Martini Sartori, explica que as doações são por ordem de chegada. Na parte da manhã, serão coletadas 60 bolsas e, na parte da tarde, 70. Esse número é de acordo com a capacidade do próprio Hemocentro.

O que é preciso para doar
– Estar em boas condições de saúde;
– Apresentar documento oficial de identidade com foto;
– Ter idade entre 16 e 69 anos, sendo que os candidatos a doadores com menos de 18 anos deverão estar acompanhados pelos pais ou por responsável legal;
-Pesar no mínimo 50 Kg com desconto de vestimentas;
– O limite de idade para a primeira doação é de 60 anos;
– Não estar em jejum e evitar alimentação gordurosa;
– Ter dormido pelo menos 6 horas antes da doação;
– Não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação;
– Não fumar pelo menos duas horas antes da doação.

Impedimentos temporários
– Gripe ou febre;
– Gestantes ou mães que amamentam bebes com menos de 12 meses;
– Até 90 dias após aborto ou parto normal e até 180 dias após cesariana;
– Tatuagem ou acupuntura nos últimos 12 meses;
– Exposição à situação de risco para a AIDS (múltiplos parceiros sexuais, ter parceiros usuários de drogas);
– Herpes labial.
Outros critérios que impedem a doação serão verificados por ocasião da entrevista de triagem.

Impedimentos definitivos
– Doença de Chagas;
– Hepatite após os 11 anos de idade;
– Ser portador dos vírus HIV (AIDS), HCV (Hepatite C), HBC (Hepatite B), HTLV;
– Uso de drogas injetáveis.

Intervalos de doação
– Mulheres: período de 90 dias/máximo de 3 doações nos últimos 12 meses;
– Homens: período de 60 dias/máximo de 4 doações nos últimos 12 meses.

Deixe seu comentário