Pronunciamento foi feito na tarde desta quarta-feira. FOTO: REPRODUÇÃO

Na Região Metropolitana de Porto Alegre e da Serra, as restrições ao comércio continuam. O anúncio foi feito pelo governador Eduardo Leite em pronunciamento na tarde desta quarta-feira, 15. O decreto anterior encerra hoje e havia expectativa por uma renovação com regras mais brandas. Nos municípios fora dessas regiões, as prefeituras poderão ser mais flexíveis, desde que devidamente embasadas por dados e seguindo alguns regramentos.

O novo decreto estadual ainda não foi publicado. Deve sair, segundo Leite, entre a noite de hoje e a manhã de amanhã. Ele acaba indo contra ao decreto municipal emitido pela Prefeitura de Montenegro nessa manhã, quando foram liberadas todas as atividades empresariais, com capacidade de lotação dos estabelecimentos limitada a 30%. Desde 1999, o Município é parte da Região Metropolitana de Porto Alegre.

O prefeito Kadu Müller, porém, diz que a liberação está mantida por enquanto. “Vamos manter o decreto 8.040 e, após a publicação (do decreto estadual), o grupo técnico irá avaliar”, disse.

Em sua fala nesta tarde, o governador Eduardo Leite colocou que as restrições vão até o dia 30 de abril. Focam nas duas regiões pois elas têm a maior incidência do novo coronavírus. O prazo é o tempo para continuar com a estruturação do sistema de saúde e o levantamento das informações sobre a evolução da doença – com dados dos hospitais e universidades, que ainda estão sendo coletados. “Queremos consolidar o sucesso do distanciamento social no formato que aconteceu até aqui para entrar numa fase de distanciamento controlado”, salientou. Ele não descarta que a liberação ocorra antes do dia 30.

O Rio Grande do Sul tem, hoje, 747 casos confirmados de Covid-19. Mas, segundo a primeira etapa da pesquisa da Universidade Federal de Pelotas, divulgada pelo governador hoje, o número de pessoas infectadas deve estar em torno das 5.600. O levantamento objetiva, justamente, analisar a evolução real da doença, visto que os números oficiais dos testados só se referem aos pacientes com sintomas mais graves. É uma das bases para as decisões de Eduardo Leite quanto ao isolamento.

QUEM INTEGRA A REGIÃO METROPOLITANA DE PORTO ALEGRE

  • Porto Alegre
  • Alvorada
  • Araricá
  • Arroio dos Ratos
  • Cachoeirinha
  • Campo Bom
  • Canoas
  • Capela de Santana
  • Charqueadas
  • Dois Irmãos
  • Eldorado do Sul
  • Estância Velha
  • Esteio
  • Glorinha
  • Gravataí
  • Guaíba
  • Igrejinha
  • Ivoti
  • Montenegro
  • Nova Hartz
  • Nova Santa Rita
  • Novo Hamburgo
  • Parobé
  • Portão
  • Rolante
  • Santo Antônio da Patrulha
  • São Jerônimo
  • São Leopoldo
  • São Sebastião do Caí
  • Sapiranga
  • Sapucaia do Sul
  • Taquara
  • Triunfo
  • Viamão

FONTE: Atlas Socioeconômico do RS

Deixe seu comentário