O tempo ajudou, favorecendo o grande público que foi prestigiar a festa em Brochier

Cantor paranaense animou o público com hits e clássicos do sertanejo. A festa em Brochier encerra hoje

Na noite de ontem ocorreu o show mais esperado da 13ª edição da Expofesta, em Brochier. Michel Teló subiu ao palco pontualmente às 19h, animando e emocionando a plateia de cerca de 8 mil pessoas. O cantor paranaense dividiu a apresentação entre grandes hits de sua carreira, como as famosas “Ai se eu te pego” e “Fugidinha”, e músicas lançadas recentemente. O sertanejo de raiz também teve espaço, com a interpretação de clássicos como “Menino da Porteira” e “Moreninha Linda”.

Fã de Michel Teló, Maristela Krug conta que já estava com o ingresso comprado desde a semana passada. “As músicas dele são muito animadas”, aponta. “Ai se eu te pego”, “Fugidinha” e “Mar Parou” são suas canções favoritas do artista, justamente pela animação que transmitem ao ouvinte. A dona de casa Cristiane Jantsch também estava animada com o show. “Eu acompanho ele desde o Tradição, no início da carreira. As músicas são muito boas”, ressalta.

Teló conduziu o show esbanjando carisma. Toda a caracterização — desde a escolha das músicas até a organização do palco — remetia às origens do cantor, com uma representação da roça e da vida no campo. Em uma estrutura montada especialmente para a sua apresentação, próxima ao CTG Rincão dos Brochier, o músico fez questão de frisar sua identificação com a cultura gaúcha, contando que se criou dentro de um CTG e cantando o clássico “Querência Amada”, que foi acompanhado em peso pela plateia.

Mas não foi só o famoso artista que fez a Expofesta. Desde a abertura, na sexta-feira, até ontem, passaram pela concha acústica, local das apresentações, outros consagrados artistas da música sertaneja e até talentos locais.

Tchê Guri, Banda Champion, Super Banda Hoppus, Julian e Juliano, Os Atuais, Timbre Gaúcho e Arrastão Sertanejo foram alguns dos nomes que animaram os visitantes durante os três dias de festa. A noite de ontem foi fechada pela apresentação do DJ Paulo Martins, que marcou a presença da música eletrônica no evento.

Rodeio com farta premiação
O Rodeio Crioulo de Brochier é um dos mais tradicionais da região. Neste ano, como parte da Expofesta, ofereceu R$ 23,4 mil em prêmios aos participantes. Com tamanho ganho, o número de inscritos passou dos 2.000 e chegou a pegar a organização de surpresa. As provas se encerraram na noite de ontem e premiaram as categorias de laço individual, laço piá, guri, prenda, veterano, vaqueano, patrão, capataz e duplas irmãos, laço pai e filho, laço pai e filha, laço dupla do rodeio, laço equipe, Taça Sinoscar de Duplas e prova de rédeas. A programação também teve show de gineteadas.

Foram mais de 2.000 inscrições para a competição, um número tão elevado que chegou a surpreender os organizadores

Outra tradição na grande festa de Brochier, o acampamento foi sucesso de público. Os 220 lotes disponíveis foram rapidamente separados e ocupados por famílias ou grupos de amigos que, durante os quatro dias de festa, saíram da rotina para morar no parque de eventos.

Durante todo o dia de ontem, todos os “moradores” receberam a visita das bandinhas alemãs Nova Diversão, Novo Horizonte e Quebra Galho, que não deixaram ninguém sem dançar.

O “drible” deu certo e a chuva não veio nesta edição
Parecia quase uma tradição nas edições anteriores. Final de semana de Expofesta era final de semana de chuva. Neste ano, o prefeito de Brochier, Clauro Josir de Carvalho, conta que a organização do evento resolveu antecipar a festa em um final de semana, buscando aproximar a data do aniversário do município e, também, driblar o clima. Em vez do tradicional segundo final de semana de abril, a Expofesta ocorreu no primeiro. E a chuva não veio.

Na concha, bandas mais tradicionais colocaram o pessoal para dançar

“Quando o tempo ajuda, o pessoal sai mais de casa”, frisa Clauro. “O público tem sido muito grande. O parque esteve sempre cheio e tem muita gente de fora vindo.” Para o prefeito, além do tempo, as atrações variadas e o intenso trabalho de divulgação da comissão organizadora são responsáveis pelo sucesso da edição. “Nós trabalhamos muito pra isso”, frisa. Além do rodeio e dos shows, o evento reúne 85 expositores de indústria e comércio: 42 na praça de alimentação e outros 12 na área de agricultura familiar.

Hoje tem mais

Ao contrário das edições anteriores, a Expofesta 2018 tem mais atrações hoje, porque também comemora os 30 anos de Brochier – data oficialmente celebrada dia 11 de abril, mas antecipada para hoje a fim de que nenhum brochiense perca.

Um bolo de 30 metros começará a ser distribuído a partir das 15h. Já às 13h30, o baile de aniversário do município começa com animação da Happy Brass. A festa continua às 17h com um fandango conduzido pelo grupo Alma do Pampa e seguido pelo espetáculo do comediante Guri de Uruguaiana, às 19h. O encerramento da Expofesta, com show de fogos, acontece após o show da Super Banda K’necus, que tem início às 21h.

Deixe seu comentário