Foi publicado o edital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Quem não conseguir isenção da inscrição, pagará R$ 82,00. Antes, esse valor era de R$ 68,00. O aumento de 20,5% consta no edital publicado nesta segunda-feira (10).

O prazo de inscrição começa em 8 de maio e encerra em 19 de maio. O boleto precisa ser pago até o dia 24.

Outra mudança já publicada no novo edital é em relação aos dias da provas. Agora, elas serão realizadas em dois domingos: nos dias 5 de novembro e 12 de novembro. No primeiro dia, o candidato fará a redação e as questões de linguagem e ciências humanas. No domingo subsequente, as questões de matemática e ciências da natureza serão resolvidas. Em ambos os dias, os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h (horário oficial de Brasília). As provas terão início às 13h30, em todas as unidades da federação.

Esse ano, o Enem não valerá para os candidatos que querem o certificado do Ensino Médio. O documento pode ser obtido pelo Exame Nacional de Certificação De Competências de Jovens e Adultos (Encceja), tanto para ensino fundamental quanto para ensino médio.

Outra novidade é o fim do “Ranking” do Enem. Não haverá mais o resultado por escola. As instituições poderão saber suas classificações em relação às demais escolas através do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb).

Isenção da inscrição
A isenção da inscrição vale para estudantes de escolas públicas concluintes do Ensino Médio 2017, candidatos com renda familiar per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio, aqueles que cursaram o ensino médio completo em escola da rede pública ou como bolsista integral de escola privada e pessoas cadastradas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

Para comprovar o dado, o candidato deverá informar, no ato da inscrição, o NIS (número de identificação social) – o sistema permitirá a busca automática. O Inep pode consutar o CadÚnico para verificar as informações. Se for constatado algum dado falso, o participante será eliminado do exame e deverá ressarcir ao governo os custos com a taxa de inscrição.

Pontos importantes:
Prazo de inscrição: de 8 a 19 de maio;
Valor: R$ 82
Provas: dias 5 de novembro (linguagens, ciências humanas e redação, com cinco horas e meia de prova) e 12 de novembro (matemática e ciências da natureza, com quatro horas e meia de prova)
• Cadernos de prova serão personalizados, com nome do participante na capa e cartão de respostas
• Isenção: Estudante da rede pública (no terceiro ano do ensino médio), pessoas cadastradas no CadÚnico e candidato que se encaixa na Lei 12.799/2013.
• Enem não valerá como certificado do ensino médio

Deixe seu comentário