Este slideshow necessita de JavaScript.

Na edição dessa sexta-feira, dia 14, na página 2 do Jornal Ibiá, uma foto mostra a situação em que se encontrava a calçada em frente a Biblioteca Pública Hélio Alves de Oliveira. Um móvel foi descartado em pleno passeio público, obstruindo a passagem dos pedestres que se deslocavam naquele trecho da rua Capitão Cruz. Além disso, outros materiais chamavam a atenção em uma lixeira afixada no local, cena que não é rara ali.

No mesmo dia, a paisagista Elisângela Roveda desenvolveu uma ação de “repaginação” do canteiro da Biblioteca. Ela e sua equipe limparam, podaram, deram “cara nova” ao espaço. A empresa de Elisângela resolveu adotar o canteiro para conserva-lo limpo. Até mesmo a lixeira foi retirada da frente do prédio, para evitar acúmulo de lixo. Contudo, pouco tempo depois, e mesmo sem o local para depósito, o lixo doméstico voltou a aparecer por lá.

Deixe seu comentário