Gabriel estufou a rede para o Jamaicanos em cobrança de falta combinado com Pablo

Na única partida da segunda rodada do Campeonato de Futebol Sete do Cantegril que colocou frente a frente duas equipes que venceram na primeira rodada, o Jamaicanos levou a melhor sobre o Olympique Montenegro. A vitória no jogo realizado na tarde deste sábado, dia 24, veio com um gol solitário marcado no começo da partida. Apesar disso, o duelo foi bastante disputado, sendo marcado por chances perdidas e reclamação contra a arbitragem.

O cronômetro não marcava sequer um minuto de bola rolando quando o Jamaicanos mostrou a que veio: depois de seu time rodar a bola com calma, Rodrigo Flores soltou a bomba da lateral do campo e obrigou Denner a espalmar para fora. Aos dois minutos, Pablo, camisa 10 do Jamaicanos, arriscou do meio do campo e por pouco não balançou a rede.

A pressão surtiu efeito no minuto seguinte, em cobrança de falta. Na batida, Pablo rolou para Gabriel de Oliveira bater no canto direito de Denner e fazer o que viria a ser o único gol da partida.

Atrás no placar, o Olympique não conseguia se impor no jogo. Tanto que o primeiro chute a gol da equipe saiu apenas aos nove minutos. Uma pressão chegou a ser ensaiada, com Felipe quase empatando a partida no minuto seguinte depois de progredir livre pelo meio e finalizar. No entanto, a bola foi pra fora.

Lucas fez intervenções importantes e impediu o empate do Olympique

A partir daí o jogo ficou mais equilibrado. O Jamaicanos valorizava a posse de bola e o Olympique acelerava o jogo e partia pra cima, obrigando o goleiro Lucas Flores a fazer grandes defesas. Aos 13, ele defendeu falta cobrada a meia altura por Jorginho. Logo depois, Lucas salvou com os pés o que seria um golaço de Guilherme da Silva, que completou de calcanhar cruzamento de Matheus Machado.

Partida esquenta no segundo tempo

A segunda etapa começou com o Jamaicanos colecionando chances desperdiçadas. Numa delas, aos cinco minutos, Gabriel avançou e tocou para Marcos Vinícius. O camisa 2 cruzou na área e Bruno não chegou a tempo de tocar ela para o fundo da rede. Do outro lado, o Olympique buscava efetivar a máxima do “quem não faz leva”, mas parou mais uma vez em Lucas, que fez grande defesa em cabeçada de Pedro após cobrança de escanteio.

Olympique Montenegro também desperdiçou boas chances de igualar o placar

Aos 16 minutos, Pedro, atacante do Olympique, foi expulso ao levar o segundo cartão amarelo. A expulsão começou uma série de reclamações por parte do Olympique contra a arbitragem e, depois disso, pouco futebol foi visto. Já nos minutos finais da partida, Denner e Jonata Kerber – ambos do Olympique – foram advertidos com cartão amarelo por reclamação. Inclusive, a advertência resultou na expulsão de Jonata, que já havia recebido o amarelo anteriormente.

Antes do apito final, foi a vez do Jamaicanos reclamar da arbitragem. No último lance do jogo, treinador e jogadores pediam pela marcação de um pênalti após a bola pegar no braço de apoio de um defensor do Olympique que deu um carrinho para bloquear o chute adversário. No entanto, nada foi marcado e o apito soou pela última vez para encerrar o embate.

Capitães avaliam o jogo

O capitão do Jamaicanos, Bruno da Silveira Esteves, valorizou o segunda vitória em dois jogos da equipe. “1 a 0, mas foi muito bom o jogo. Foi difícil pra ‘caramba’”, comentou. “Não dá pra baixar a pegada, são recém dois jogos, mas o campeonato é comprido e a gente tem que manter o foco”, projetou.

Bruno salientou que todos os atletas do seu time compareceram para o duelo e a importância disso, ainda mais com os jogadores amadores retornando agora ao futebol. “O pulmão volta triste, volta murchinho”, brincou. “A gente tem que correr na semana, quem pode, para no sábado estar com um fôlego a mais se não fica difícil”, reforçou.

Capitão do Olympique Montenegro, Juliano Rosa Machado, o Neni, avalia que, apesar da derrota, seu time fez uma boa partida. “O jogo foi bom, pegado e sem conflito (com a outra equipe). Teve reclamação com a arbitragem, nosso time esquentou a cabeça”, avaliou. Ele reforçou, ainda, que a partida foi contra uma equipe forte e que figura na divisão principal dos campeonatos promovidos no Cantegril.

O resultado das demais partidas do Campeonato de Futebol Sete do Cantegril, bem como da competição que está sendo realizada no Grêmio Gaúcho, você confere na edição de terça-feira do Jornal Ibiá.

Deixe seu comentário