O Comitê Deliberativo do Programa Sustentare pretende minimizar danos causados ao Meio Ambiente e potencializar a inclusão social, por meio da padronização do descarte de equipamentos eletroeletrônicos utilizados por empresas públicas do Estado. Instituído pelo decreto nº 53.307, de 24 de novembro de 2016, o programa também prevê três possíveis destinos para os ativos do Estado, fora de uso: Doação, Recondicionamento e Reciclagem, com ampla gestão, indicadores qualitativos e quantitativos entre outros. O grupo se reuniu nesta semana pela primeira vez e iniciou os trabalhos. Participam do Comitê Deliberativo do Programa, a Procuradoria-Geral do Estado; o Gabinete de Políticas Sociais; as secretarias da Educação, da Fazenda, da Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos e demais órgãos estaduais.

Deixe seu comentário