Dentre as atrações, pequenos da escolinha Gente Miúda cantaram e dançaram pela preservação do planeta

A Praça Rui Barbosa juntou nessa sexta-feira, dia 11, empresas, entidades e iniciativas ambientalmente responsáveis. É a primeira edição da “Ecofeira”, uma iniciativa do setor de Educação Ambiental da secretaria de Meio Ambiente de Montenegro que levou ao coração da cidade conhecimento e exemplos de boas práticas em prol da preservação da natureza. O evento vai até as 16h.

“Ainda é um projeto piloto que nasceu da preocupação de que a comunidade tenha um entendimento melhor de como as coisas são produzidas e os impactos que elas têm ao Meio Ambiente”, comentou o secretário responsável, Adriano Campos Chagas. “Tudo o que a gente faz tem um reflexo na natureza.”

Secretário de Meio Ambiente, Adriano Campos Chagas destacou a importância de difundir as iniciativas do Município

Foram dois meses de planejamento na secretaria, buscando parcerias e iniciativas para a primeira edição. A ideia, agora, é tornar a Ecofeira uma iniciativa anual e crescente, com cada vez mais empresas e entidades participantes. Dente os representados nesta edição estão Patram; Corsan, com estande sobre tratamento e preservação da água; Sesc; Ecopila (ACI); Modulada; Unisc; Dobra; Ecocitrus; Unimed Vale do Caí; Sesi e Braskem.

Analista de gestão ambiental da Unimed Vale do Caí, Bruno Kratz demonstra como a instituição faz o tratamento de esgoto do hospital; e também explica o projeto “Eu ajudo na lata”, iniciativa que estimula a reciclagem com a arrecadação de lacres de latinhas para a posterior aquisição de cadeiras de rodas para a Associação Montenegrina dos Deficientes Físicos e Ostomizados (Assdefo)
Cooperativa dos Citricultores Ecológicos do Vale do Caí, a Ecocitrus demonstra suas práticas orgânicas de cultivo e aproveitamento de resíduos

ATRAÇÕES

A sexta-feira também é de atrações. De manhã, os aluninhos da EMEI Gente Miúda se apresentaram no evento, cantando e dançando ao lado do mascote da secretaria de Meio Ambiente: o Chuvisco. Cheios de alegria, os pequenos entoaram uma canção de mensagem forte: “Amigo planeta, eu não sei porquê; tanta gente não cuida de você”.

Na sequência, alunas do Colégio AJ Renner apresentaram o resultado de um desafio que havia sido lançado na instituição: a criação de uma paródia sobre a preservação do Meio Ambiente. Com a performance da versão ganhadora na Praça, o trio de alunas autoras foi premiado pelos consulados do Grêmio e do Internacional. A programação também contou com apresentação da banda da Apae, uma batalha de rimas conduzida pelo rapper Mc Pedrão e uma roda de conversa com as empresas e entidades participantes.

 


 

Montenegro quer se espelhar em Dois Irmãos

Parte integrante da programação da Ecofeira, ainda na quinta, dia 10, ocorreu no Espaço Braskem da Estação da Cultura uma palestra com a prefeita do Município de Dois Irmãos, Tânia Terezinha da Silva. Ela apresentou o case de sua cidade, com a implantação da coleta seletiva e da cooperativa de reciclagem, iniciativas em prática em Montenegro, mas que esbarram na falta de conscientização da comunidade para alcançar melhores resultados. “Temos que mudar o presente para melhorar o futuro. Não vamos fazer parte do futuro, mas cabe a nós mudarmos para melhorar o mundo”, declarou Tânia. Em Dois Irmãos, a Cooperativa já está completando 25 anos, recebendo quase mil visitantes por ano em busca de replicar o projeto.

Deixe seu comentário