Uma residência foi arrombada na rua Alagoas no bairro Santa Rita, em Montenegro, na tarde desta sexta-feira, 9. O fato ocorreu por volta das 14h 30min, quando uma adolescente de 13 anos encontrava-se sozinha em casa.

A menina relata que ouviu uma batida na porta e percebeu que algo estranho estava acontecendo, pois o portão de casa fica trancado. As batidas continuaram e ela correu até o banheiro onde chaveou a porta e se escondeu. A adolescente ouviu os ladrões entrarem em casa e enviou uma mensagem para sua mãe, Deise Padilha, que estava trabalhando. “Eu ouvi o barulho deles abrindo a porta da frente. Tem uma porta de vidro com um rodapé que faz muito barulho quando a gente pisa nele. Eles pisaram umas três vezes seguidas. Logo em seguida começaram a mexer na TV da sala”, detalha.

Minutos depois de avisar Deise, por mensagem, a menina achou melhor ligar para a mãe. Deise deixou o local de trabalho, na rua Dr. Bruno de Andrade, e chegou ao imóvel em cerca de três minutos. “Ela disse pra eu correr por que eles estavam roubando nossa casa. Perguntei onde ela estava, disse pra ela ficar quietinha lá. Não estava preocupada com o que eles iam levar, minha preocupação era só com ela”, afirma Deise.

Colegas dela chamaram a Brigada Militar e uma viatura chegou ao endereço logo atrás da dona da casa. Contudo, Deise enfrentou os meliantes sozinha. “O carro deles (Fiesta Sedam preto – com placas clonadas) estava na frente do meu portão. Quando estacionei, vi que as fechaduras estavam no chão. Quando entrei, gritei para eles perguntando o que estavam fazendo. Eu tava parada na porta e eles me empurraram, ainda dei um soco neles”, diz Deise. “A Brigada chegou quase junto comigo. Se eu tivesse ficado quieta a Brigada tinha pego eles.”

Fotos: arquivo pessoal

Toda a ação foi muito rápida. Foram menos de 10 minutos até que os criminosos conseguissem juntar objetos para serem levados. Eles ainda abriram a geladeira e tentaram entrar no banheiro onde a adolescente estava escondida. “Eles forçaram a porta uma duas vezes, mas desistiram por que ia dar barulho. Só fiquei com medo nessa hora”, acrescenta a menina.

A dupla conseguiu escapar levando perfumes, joias, R$1.500,00, TV, e vídeo game da família. Antes de partir um deles ameaçou Deise. “Ele disse que se eu entregasse, iria me matar”, conta a mãe.

Imagens da câmera de segurança de outra residência da rua mostram a ação dos bandidos. Antes de arrombar o portão, eles fizeram uma “ronda” em frete à casa. O caso será investigado pela Polícia Civil. O registro foi feito na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA).

 

 

 

Deixe seu comentário