cavalos, rodeio, prova, Montenegro, cultura
Cavalos se alimentaram antes do início das provas da tarde deste domingo

O último dia da 14ª Festa Campeira Regional da 15ª Região Tradicionalista (RT), realizada no Parque Centenário, em Montenegro, reuniu centenas de apaixonados pela cultura gaúcha, de todas as idades e de várias cidades do Estado. O calor escaldante, de 35°C, não foi problema para o público, que acompanhou de perto as últimas provas do rodeio.

Integrantes de uma equipe de São Sebastião do Caí, Henrique Ramires da Silva e Éderson Flores aproveitaram ao máximo os três dias do evento. “Desde piá me envolvo com rodeio, nasci e me criei nesse meio. Morava com meu pai na fazenda. A melhor parte da festa é no sábado, que tem o tiro de laço e à noite tu podes aproveitar mais. O domingo é mais clima de despedida, já bate uma saudade”, conta Henrique. “A paixão pela cultura gaúcha está no sangue, desde pequeno”, complementa Éderson.

Quem também prestigiou a festa campeira foi o tradicionalista Ernani Nunes, vice-patrão do Piquete de Lançadores Timbaúva, de Portão. “Me envolvo com rodeios há 40 anos. E nós, que somos mais antigos, viemos pelo prazer, pela convivência, pelo acampamento. A gente vem para prestigiar a festa. Os mais jovens são mais competitivos, muitos vêm pensando nas premiações.”, ressalta.

Muitas famílias acamparam no Parque Centenário durante o final de semana. Churrasco e cerveja não faltaram. Emoção, também não. A cancha de rodeio recebeu, na tarde deste domingo, provas de rédeas, laço por equipes, laço vaca parada e gineteada. Os resultados oficiais serão divulgados nesta segunda-feira.

Deixe seu comentário