Nova patronagem do CTG Encontro das Águas tomou posse na manhã deste domingo, 15

O domingo foi marcado por muita festa e valorização da cultura gaúcha na sede da Sociedade Vitória de Maratá. No local aconteceu a posse da nova patronagem do CTG Encontro das Águas, que conta agora, pela primeira vez desde a sua fundação, com uma patroa e vice-patroa mulheres.

A nova patroa da entidade, Elga Wilke, 55, conta que há muitos anos participa do CTG. “Comecei a participar por incentivo da minha filha, que entrou no grupo de dança quando era criança. Estar assumindo como patroa pra mim é um grande compromisso, porque não podemos deixar o tradicionalismo morrer”, destaca. Elga diz que a nova patronagem tem como principal desafio estimular as novas gerações a participar do CTG e manter o tradicionalismo forte.

Patroa Elga Wilke e vice-patroa Greise Ribeiro da Cunha

A nova patronagem também terá como desafio a conclusão da obra da sede do CTG, que hoje realiza seus ensaios em um espaço cedido pela Prefeitura de Maratá no Parque da Oktoberfest. “Nós temos um prédio em construção, então estamos na luta pra poder concluir essa obra. Com a nova sede nós vamos ter o nosso próprio espaço e um lugar maior para poder fazer os ensaios e eventos do CTG”, afirma a nova patroa.

Sobre a posse como a primeira mulher patroa à frente da entidade tradicionalista, Elga diz que é uma alegria, mas também um desafio. “É a primeira vez, nesses 17 anos do CTG, que uma patroa mulher assume. Pra mim é uma grande alegria, uma satisfação, mas também um grande desafio. Depois de quase dois anos sem nos reunirmos por conta da pandemia, a nossa missão é motivar as pessoas pra estarem novamente dentro do CTG e celebrar a cultura gaúcha”, conclui.

Deixe seu comentário