FOTOs: Prefeitura de Maratá

Sírio Nonnemacher e Antônio Kempfer faleceram durante o final de semana

O final de semana foi de tristes notícias em Maratá. No sábado, dia 16, faleceu Sírio José Nonnemacher, diretor da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Lúdia Araújo Viegas da comunidade de Uricana. No domingo, dia 17, foi a vez de a comunidade marataense se despedir do ex-vereador de Maratá, Antônio Kempfer.

Sírio, que tinha 56 anos, faleceu em decorrência de um infarto. O educador estava na escola para entregar atividades para a família de dois estudantes quando teve o ataque cardíaco. O diretor chegou a ser levado para o Hospital Unimed Vale do Caí (HUVC), mas não resistiu. Sírio deixa a esposa Maristela e o filho Éderson. O professor ocupou por anos, e em diferentes administrações, os cargos de secretário de Educação e de secretário de Cultura de Maratá.

“Estou super triste, mas posso dizer que ele foi um exemplo de pai e de pessoa”, comentou o filho. “Ele era fantástico não só comigo, mas com toda a comunidade”, complementou. Éderson contou que nesta semana seu pai havia feito um exame que apontou uma anormalidade no coração e que, apesar de não ser nada urgente, uma consulta com uma cardiologista havia sido marcada para o dia 19.

O ex-vereador Antônio Kempfer faleceu aos 84 em decorrência de uma insuficiência renal. Morador da comunidade de Macega, o marataense estava com a saúde debilitada há alguns meses, depois de sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) no início do ano. Nos últimos dias, Antônio foi internado devido a uma infecção generalizada.

O ex-vereador deixa quatro filhos, netos e bisnetos. Ele gostava de jogar carta com os amigos e tinha um humor inconfundível. No ano de 1992, Antônio participou do processo de emancipação de Maratá e, curiosamente, a data de emancipação (20 de março) era comemorada no mesmo dia do seu aniversário. Ele ocupou o cargo de vereador na Câmara de Vereadores de Maratá entre 1993 e 1996. Além disso, também foi muito participativo nas festividades das comunidades de Macega e Vitória, atuando principalmente nos eventos da Igreja Católica.

Em razão das perdas, o prefeito de Maratá, Fernando Schrammel, decretou, na segunda-feira, 18, luto oficial de três dias. Durante o período, a bandeira do Município ficará a meio mastro. O decreto salienta a relevante contribuição de Sírio e Antônio ao desenvolvimento do município.

Deixe seu comentário