Às vésperas do feriado, consumidores movimentam o centro da cidade em busca de diferentes itens para presentear

Na véspera do Natal, centenas de consumidores lotam o comércio de Montenegro, confirmando a tradição de deixar as compras de fim de ano tudo para a última hora e anima os comerciantes, que esperam superar as vendas do ano passado. Nesta terça-feira, 24, o movimento, que promete continuar intenso até o fim do dia com horário ampliado, revela consumidores mais objetivos, em busca de produtos em vários estabelecimentos no centro da cidade.

Entre os brinquedos, as bonecas Baby Alive são as mais procuradas

Entre os produtos mais procurados, estão os brinquedos para criançada, um seguimento que conta com uma grande variedade de opções e valores. Para a vendedora Rosane da Cruz, que trabalha no setor, a procura aumentou consideravelmente nas vésperas do feriado. “Nos dois últimos dias antes do Natal, o movimento sempre cresce e a loja fica cheia”, comemora a vendedora, que ainda destacou os itens mais citados. “No topo estão os jogos, bonecos de super-heróis para meninos e, para as meninas, estão as bonecas Barbie, Baby Alive e Lol”, detalhou.

Apesar de ter antecipado as compras de fim de ano, a professora Ananda Spessatto acabou enfrentando a correria das vésperas do Natal para comprar mais um presente. “Eu me antecipei e comprei para toda família, mas além da boneca que o ‘Papai Noel’ vai dar para minha filha, ela pediu também um carrinho”, disse Ananda, enquanto fazia pesquisa dos valores do mimo.

Para agradar as clientes, tem loja oferecendo até maquiagem gratuita

Pelas calçadas do Centro, é difícil encontrar alguém que não esteja carregando algum tipo de sacola com presentes. Além dos brinquedos, entre os produtos mais procurados estão os itens como perfume, cosméticos, calçados, eletrônicos e vestuário. De acordo com a gerente de loja, Dirlaine Chassot, as vendas nas vésperas do Natal tendem a ser mais fluidas. “A maioria das pessoas que chegam aqui, já sabem o que querem, então o processo é mais rápido do que nos outros dias”, explica a gerente.

Para presentar a irmã, Leonardo Pereira enfrentou a correria de última hora

Mesmo com tudo já organizado para a ceia de Natal, o analista de processo Leonardo Pereira, teve que voltar ao comércio para comprar uns presentes extras. “Já tinha comprado tudo, me organizei para isso, mas como algumas pessoas decidiram passar a data aqui de última hora, tive que voltar para comprar mais algumas lembrancinhas”, disse o montenegrino, que também buscava algo para se presentear.

13 milhões de brasileiros sairão para as compras na véspera do Natal

De acordo com a peesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), aproximadamente 13,2 milhões de brasileiros realizarão as compras de Natal apenas nas vésperas da data. Esse número equivale a 10% do total de pessoas que pretendem presentear alguém neste período, superando os 8% registrados em 2018.

Segundo o levantamento, 48% dos consumidores deixaram as compras para os dias anteriores à comemoração por conta da expectativa por promoções. Já 20% aguardavam o recebimento da segunda parcela do 13º salário.

Compartilhar

Deixe seu comentário