Vendedores aguardam movimento maior em frente ao Cemitério Municipal de Montenegro entre domingo e segunda-feira

É tradição no Dia de Finados que pessoas visitem e levem flores em túmulos de amigos ou entes queridos já falecidos. Por isso, nessa época do ano o comércio de floricultura se intensifica, principalmente em frente ao Cemitério Municipal de Montenegro.
Além de toda a cultura que envolve, a iniciativa surge como alternativa de renda para os empreendedores e movimenta o comércio local.

Nesta sexta-feira, data de início das vendas no local, Teresa Machado da Silva já estava com banca organizada próxima a um dos portões. Há 40 anos ela comercializa flores em frente ao Cemitério em datas rememorativas. Até o início da tarde, segundo ela, a procura estava baixa. “Mas domingo e segunda-feira são os dias em que as vendas costumam ser mais fortes. Mas para este ano, também por conta da pandemia, a expectativa está baixa”, afirma.

No Dia das Mães e dos Pais neste ano, Teresa diz que a busca por flores para homenagens também foi pequena. “Com o passar dos anos, a venda tem diminuído em datas especiais, aqui em frente ao Cemitério”, pontua.

Já para Yuri Roberto da Silva Ziemke, o movimento até hoje à tarde estava bom. “É meu primeiro dia de trabalho aqui. E até que a comercialização está boa, mesmo com a questão da pandemia. Espero que continue principalmente nos dias mais próximos à data”, destaca.

Até a segunda-feira de Finados, dia 2, haverá comércio de flores em frente ao Cemitério Municipal.

Yuri Roberto da Silva Ziemke afirma que até a tarde desta sexta-feira, procura estava boa

Deixe seu comentário