Atletas e professores devem respeitar a distância mínima de dois metros nos treinos

Todas as categorias voltam, mesmo sem previsão para o início dos campeonatos

Os Feras estão de volta. Nessa terça-feira, 5, os treinos da escola montenegrina de futebol foram retomados. No campo da Tanac, os jovens atletas se reapresentaram usando máscaras e cumprindo todos os protocolos necessários para evitar a disseminação do novo coronavírus. Mesmo sem previsão para o início das competições deste ano, todas as categorias voltaram aos treinamentos.

A diretoria do Fera adotou uma série de medidas preventivas para o retorno seguro dos atletas. Cada atividade tem duração de 30 minutos (duas vezes por semana) e os jovens precisam levar de casa suas garrafinhas de água e toalhas para o treino. Os objetos não podem ser compartilhados. O uso de máscaras por parte de alunos e professores é obrigatório, assim como a higienização com álcool em gel ao chegar no campo da Tanac.

Além disso, jogadores e treinadores devem respeitar a distância mínima de dois metros durante as atividades. No gramado, cada professor comanda o treino para três alunos. O campo é dividido em quatro partes para evitar aglomerações. “Os pais precisam fazer agendamento prévio. Todas as turmas voltam aos treinos, mas trabalho em conjunto não teremos nesse momento”, explica o dirigente Fábio Klein.

Uso de máscaras é obrigatório para jogadores e treinadores do Fera nessa retomada

O coordenador do Fera acredita que as competições não iniciem antes do mês de agosto. Apesar disso, defende a importância da realização de atividades físicas. “Se todos ficarem trancados em casa, muitos não fazem exercícios físicos e isso acaba diminuindo a imunidade das pessoas. Temos a convicção de um atendimento seguro, e realizar atividade física aumenta a imunidade desses jovens em meio a uma pandemia. Não há previsão para o início dos campeonatos, acredito que só a partir de agosto ou setembro”, frisa Klein.

Aos poucos e com todas as medidas de prevenção contra o novo coronavírus, a escola de futebol de Montenegro vai retomando sua rotina normal. Inicialmente, os atletas farão treinos físicos e técnicos, para adquirir ritmo e ter contato com a bola novamente. Os trabalhos táticos, que demandam uma maior intensidade, ficarão para um segundo momento, quando a situação da Covid-19 estiver mais controlada no Município e no Estado.

Deixe seu comentário