A Câmara de Vereadores de Montenegro disponibiliza, a partir desta quinta-feira, dia 23 de abril, um servidor e um computador para ajudar a população a preencher os formulários necessários para efetuar o pedido do Auxílio Emergencial do Governo Federal. A medida visa facilitar a vida de quem não tem computador, celular e internet ou mesmo conhecimento para realizar o procedimento.

O presidente da Câmara, Neri de Mello Pena, o “Cabelo”, do PTB, explica que a ação atende a inúmeras solicitações da comunidade. “Reunido com o assessor de comunicação, Sílvio Kaél, e o assessor jurídico, Alexandre Muniz de Moura, o entendimento foi o de auxiliar a população, facilitando o acesso aos recursos”, comenta o vereador.

Cabelo ressalta que não serão esquecidas as medidas de prevenção à Covid-19. O servidor encarregado do atendimento ao público estará de máscara e o acesso das pessoas ao prédio será individual. O cidadão que tiver necessidade do auxílio para preencher os dados precisa, necessariamente, levar documento de identificação. Também deve fornecer, ao menos, um número de celular, o que vai permitir que acompanhe o andamento da solicitação.

O Auxílio Emergencial pode ser acessado por, no máximo, duas pessoas por família e o valor para cada uma é de R$ 600,00. Já as mães que são responsáveis sozinhas por suas famílias têm direito a receber o benefício em dobro, ou seja, R$ 1.200,00.

Quem é beneficiário do Bolsa Família receberá o pagamento conforme o calendário normal do programa. Os trabalhadores informais, microempresários individuais (MEIs), contribuintes individuais do INSS e aqueles que estão no Cadastro Único do Governo Federal receberão duas parcelas em abril. Além do depósito em conta, o valor será pago nas agências da Caixa Econômica Federal, em terminais de atendimento eletrônico e em lotéricas. O auxílio deverá ser liberado, a princípio, por três meses, no período mais agudo da pandemia de coronavírus.

Deixe seu comentário