A data de início das obras ainda não foi divulgada. Foto: Divulgação/Efica

A Câmara de Vereadores aprovou, na sessão desta quinta, o projeto de lei que permitirá a restauração de mais um prédio do complexo da antiga Estação Ferroviária. É a quarta fase do processo. Serão investidos cerca de R$ 760 mil na recuperação da antiga casa do chefe do Estação, nos fundos do prédio principal. Do montante, R$ 674 mil serão destinados pela Braskem, parceira da Efica desde o começo das reformas, e R$ 85 mil sairão dos cofres públicos municipais, como contrapartida. A data de início das obras ainda não foi divulgada.

Deixe seu comentário