Carro de preso por furto de combustível foi periciado ontem

A investigação sobre o sumiço do casal Maurício Vigel Amorim, 33 anos, e Taís Machado Querate, 20, pode ter dado um importante passo na noite dessa terça-feira, 7, na Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro. No local, foi realizada a perícia no carro, um Ford Focus, de um homem preso em flagrante roubando gasolina do Polo Petroquímico de no dia 2 de maio.

A Polícia trabalha com a hipótese de que ele seja comparsa de Maurício em crimes como esse, e que o desaparecimento dos dois tenha relação com isso. Durante os trabalhos, foram encontrados materiais nas portas e no porta-malas do veículo. Contudo, só será possível identificar do que se trata após análise no laboratório de DNA do Instituto Geral de Perícias (IGP) em Porto Alegre. Se ficar comprovado ser sangue humano, será necessário fazer a comparação do DNA com o de familiares das vítimas.

O Focus foi apreendido na casa do homem preso em Triunfo. Ele chegou a ficar recolhido na Penitenciária Modulada de Montenegro, mas teve concedida a liberdade provisória.

Os montenegrinos Maurício e Taís foram vistos pela última vez no dia 21 de dezembro de 2017. As imagens de uma câmera de vigilância mostram os dois deixando um Celta em um estacionamento no Centro e pegando uma Fiorino branca, com placas INU-4888.

Ao sair da casa onde moravam, na localidade de Pesqueiro, eles deixaram a televisão e o ventilador ligados, um indicativo de pretensão de retornarem rapidamente.

Deixe seu comentário