Foto:Polícia Civil

Policiais Civis de Nova Santa Rita, coordenados pelo Delegado Mario Souza, com apoio da DPHPP Canoas, Sipac/2ªDPRM e pelo Setor de inteligência do 15° Batalhão Polícia Militar, frustraram um possível ataque a uma Escola no município de Nova Santa Rita. Conforme a Polícia,  um adolescente foi identificado como mentor intelectual de um atentado que ocorreria este mês à uma escola do município. O investigado tem 17 anos e planejava  executar o ataque até a data de seu aniversário, constatou a investigação.

Ainda, durante monitoramento do investigado, foram identificados perfis em redes sociais que eram abastecidos com propaganda nazista, neonazista, Ku Klux Klan, manifestação xenofóbicas e racista, além de farto material similar aparentemente ao ataque a escola que ocorreu em Suzano em São Paulo.

O diretor da 2ª Delegacia de Polícia Metropolitana – 2ª DPRM, delegado Regional Mario Souza afirma que as ações foram pontuais para frustar de maneira rápida um possível ataque criminoso na cidade.

O major Luciano Brum sub comandante do 15º BPM esclarece que a ação deu  prosseguimento ao trabalho integrado entre as forças de segurança da região metropolitana.O cumprimento de mandado de busca na cidade de Nova Santa Rita entre a BM e PC adotou medidas de segurança. A Polícia ainda investiga outras situações suspeitas.

A operação ainda está em andamento.

Deixe seu comentário