Objetivo do evento foi a troca de experiência e informações

Festividade reuniu comunidade para conversa sobre prevenção e cuidados

O Centro de Saúde Dom Diogo de São José do Sul ficou repleto de mulheres com roupas cor de rosa na manhã deste sábado, 19. O evento Outubro Rosa, que tem ocorrido anualmente, foi um sucesso, com muita troca de informação, diversão e empatia.

Dentro da programação do mês voltado à conscientização do câncer de mama, o evento contou com a presença do Grupo Amigas do Peito, da Unimed Vale do Caí. Com um depoimento pessoal do tratamento de câncer de mama de uma das integrantes, quem estava presente se emocionou.

Decoração chamou a atenção das visitantes

Segundo a psicóloga e coordenadora do Grupo Amigas do Peito, Maria Paulina Pölking, esse é um mês muito movimentado. “Vamos tanto para as cidades do interior de Montenegro, como para as cidades vizinhas também, é sempre um prazer”, diz. Para ela o cuidado enfatizado no Outubro Rosa deve se estender durante todo o ano.

“É importante ter duas fontes de cuidado, o que a gente chama de prevenção primária: que é o estilo de vida saudável, e na prevenção secundária temos três eixos. O primeiro seria o autoexame, para o conhecimento da mama, porém ele não substitui os demais”, fala. De acordo com Paulina, é fundamental a consulta médica anual ou a consulta frente a qualquer alteração na mama. Além disso, devem ser realizadas mamografias a partir dos 40 anos, ou em caso de histórico familiar 10 anos antes, e também serem realizados os exames de imagens.

Grupo Flor da Idade realizou apresentações de dança

O evento não parou por aí, o Grupo de idosas “Flor da Idade”, realizou três apresentações de danças animando a mulherada, e para completar ocorreu um show do radialista/humorista Luis Roberto Closs, e sua divertida personagem, a alemã Heda Hesmitelz. Um café da manhã também foi oferecido na ação.

De acordo com a secretária municipal da Saúde, Saneamento e Assistência Social, Silvani Maria Kremer, a idéia deste evento partiu de uma palestra que participou do Grupo Amigas do Peito. “Essa é uma forma de conscientizar e prevenir as mulheres aqui da cidade”, completa.

Deixe seu comentário