Neste dia 8 de março, data em que se comemora o Dia Internacional da Mulher, um grupo de agricultoras do Vale do Caí foi às ruas para protestar contra a proposta da reforma da Previdência. O texto, entregue no Congresso no mês passado, prevê o aumento da idade mínima de aposentadoria da mulher do campo dos 55 para os 60 anos de idade.

A atividade ocorre na ERS-122, em Bom Princípio. No momento, o grupo caminha no sentido São Sebastião do Caí x São Vendelino, ocupando uma das pistas da rodovia. É previsto o bloqueio completo da faixa ainda nesta manhã. Após, as mulheres devem seguir para um encontro de mulheres do campo. O evento é organizado pela Coordenadoria Regional do Vale do Caí e pela Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Rio Grande do Sul (Fetag).

Algumas mulheres levam cartazes. Além de trabalhadoras rurais, estudantes e representantes do CPERS também acompanham a manifestação. Alguns homens também estão presentes. A Fetag estima que, pelo Estado, existem outros 40 protestos do tipo ocorrendo neste momento.

Deixe seu comentário