Dezenas de pilotos participaram, vindos de cidades da região e até da Serra

Nova pista trouxe o esporte de volta à programação. E ela voltou pra ficar

A Oktoberfest de Maratá tem dança, gastronomia, trajes típicos e muito chope; mas também tem espaço para a adrenalina. Quem participou das atividades desse domingo, 10, da programação que o diga. Foi o dia da “Oktobercross”, evento de veloterra que reuniu mais de 80 participantes em diversas categorias e de vários municípios do Estado. Nas arquibancadas, um público de peso acompanhava enquanto os pilotos competiam, acelerando num circuito sobre o chão batido e com aquela razoável (e tradicional) dose de lama. Foi o retorno do esporte aos festejos marataenses; e a promessa é de que ele tenha retornado pra ficar.

“Nós tínhamos a Oktobercross alguns anos atrás, mas como nos faltava um local apropriado para fazer as provas, acabamos não realizando mais nas últimas edições”, explica a prefeita Gisele Schneider. O circuito funcionava num espaço alugado, próximo do parque da Oktober, mas o Município já não tinha mais a locação. “Nesse ano, com uma parceria com o Sítio do Tio Hugo; e nós podendo dar auxílio em questão de hora máquina, nós conseguimos desenvolver essa atividade aqui. O veloterra é um esporte que está muito no gosto da nossa região, então, nessa edição diferente da Oktober, não poderia faltar um evento voltado para ele.”

E foi o trabalho do jovem Felipe Seger, de 21 anos de idade, um ponto chave para tornar a ideia uma realidade.  Com a ajuda de amigos, partiu dele a iniciativa de transformar um pedaço das terras da família – do “Tio Hugo” -, onde antes era plantado milho, em um circuito de veloterra. “A turma estava precisando de uma pista. Então, pegamos o trator e brincamos um pouquinho. Fizemos treinos e começou a dar certo. Aí, pensamos em fazer uma prova”, conta. “Eu ajeitei toda a pista. Fizemos a copa, o banheiro. Tudo para esse primeiro evento.”

Dando força à atividade, uma parceria com o Sítio do Bilhar levou a final da Copa Verão Ciclovia Yamaha para ocorrer no local; junto à Oktobercross. E a prefeita Gisele já adianta que, agora com a pista, o fomento ao esporte continuará. “Em março, nós temos os 30 anos do Município, então também já estamos programando uma prova bem legal, grande, para este mesmo espaço”, destaca. “Ela fará parte da programação de aniversário do Município.”

Diferentes categorias de pilotos competiram durante o domingo. E houve espaço para os mais novos, também. O pequeno Pyetro Henrique da Rosa Xavier, por exemplo, tem onze anos de idade; e saiu com o troféu de primeiro lugar da Oktobercross. Ele veio com os pais, Aline e Jaison, de Carlos Barbosa; e revela que não há receita fácil para quem também queira competir. “É ter muita dedicação e treino”, comenta. “Eu treino duas vezes na semana”.

CONFIRA A GALERIA:

Balanço positivo

Esse foi o segundo final de semana da 16ª edição da Oktoberfest de Maratá. O evento é marcante, especialmente pelo contexto da pandemia e da retomada ainda gradual das atividades. Para a prefeita Gisele Schneider, o saldo vem sendo positivo. “Nós estamos conseguindo ficar dentro dos protocolos de capacidade máxima de pessoas. Tínhamos um pouco de receio de acabar aglomerando muita gente, mas conseguimos atender conforme o decreto do estado”, comenta. “Mas estamos muito contentes. Nosso jantar típico foi um sucesso. A noite do chope, neste sábado, também foi muito animada e um sucesso, também. A gente enxerga nas pessoas essa alegria de poder retomar as festas, a música e as confraternizações. Isso estava fazendo muita falta.”

A programação continua!

  • Dia 12 de outubro, terça-feira
    16h – Kinderfest, no Parque Municipal da Oktoberfest. Com shows infantis, de mágica e sessão de cinema para toda a família. Entrada gratuita.
  • Dia 16 de outubro, sábado
    13h30min – BierLauf, com saída do Parque Municipal da Oktoberfest. Inscrições antecipadas e limitadas pelo site https://ekonovaadv.com.br/destinos/trekking/bierlaufen-caminhada-da-cerveja/.
  • Dia 17 de outubro, domingo
    9h – 2ª Pedala Maratá Ekonova Adventure, com saída do Parque Municipal da Oktoberfest. Inscrições antecipadas e limitadas pelo site https://ekonovaadv.com.br/destinos/biketour/biketour-pedala-marata/.
  • Dia 23 de outubro, sábado
    9h – Stammtisch, na Cervejaria GoldBier aus Maratá. Grupos devem agendar seu espaço diretamente com a cervejaria.
  • Dia 24 de outubro, domingo
    14h – OktoberFamilie, no Parque Municipal da Oktoberfest. Haverá biergarten, bandinha típica Quebra Galho pelo parque, passagem do bierwagen, show com a banda 0800, feira colonial e food truck. Ingressos na hora.
  • Dia 30 de outubro, sábado
    13h30min – 3ª Trilha da Vitória, para motos e quadriciclos, com largada do Parque Municipal da Oktoberfest. 65 quilômetros de trilha com inscrições somente no dia. Mais informações pelo telefone 9 9562-1709
  • Dia 31 de outubro, domingo
    8h – Missa festiva, na Igreja Matriz São Miguel.
    16h – Findi Tarde do Imma Truff, no Parque Municipal da Oktoberfest. Ingressos limitados disponíveis com membros do grupo, através do Instagram @blocoimmatruff e em pontos de venda na região. Mais informações pelo telefone 9 9949-3864.

Deixe seu comentário